Newsletter

News

  • Receita Ayurvédica KOSAMBARI ( salada de moong dal ) 2018-07-19

    RECEITA AYURVÉDICA KOSAMBARI ( SALADA DE MOONG DAL ) 
    Receita Ayurvédica KOSAMBARI ( salada de moong dal – feijão mungo)
    Vegan, Vegetariana, Sem Glúten

    Tempo de preparação
    Cozedura: 10 min
    Serve: 5 pessoas

    Esta receita de salada de moong dal ao estilo de Karnataka, é super rápida de
    preparar, e pode ser temperada com sementes de mostarda e folhas de caril, mas
    tem um gosto igualmente bom sem qualquer tempero.
    É uma comida vegetariana nutritiva e incrivelmente saborosa, sendo uma das
    melhores receitas de saladas indianas.
    Muito versátil em termos dos ingredientes usados.
    É rica em proteínas e perfeita para perda de peso.
    A imersão de moong dal, antes da cozedura, torna-o facilmente digerível e mais
    nutritivo.
    O crocante do pepino, o sabor doce do côco e o sabor ácido do limão equilibram
    as lentilhas dando-lhe um sabor e textura deliciosos.
    O coentro fresco dá um toque de cor e brilho, elevando a salada a algo especial.
    É uma salada leve, que pode ser consumida como uma refeição por si só, junto
    com um copo de LASSI.
    Pode adicionar, se preferir, cenoura ralada e manga crua também para variar.
    Ingredientes:
    Moong dal - 1/2 chávena, imerso em água por 1-2 horas
    Pepino - 1, tamanho médio, descascado e picado em pedaços pequenos
    Côco fresco - 3 colheres de sopa, ralado
    Chili verdes - 2, cortados ou finamente picados
    Gengibre - 1/2, finamente ralado
    Folhas de coentro - 1 colher de sopa picado
    Suco de limão - 1 colher de chá (opcional)
    Para temperar:
    Sementes de mostarda - 1/2 colher de chá
    Folhas de caril - 15-20 folhas
    Asafoetida - 1/4 colher de café
    Óleo - 1 colher de chá
    Como preparar a receita de KOSAMBARI
    Escorra o moong dal e coloque num escorredor por alguns minutos.
    Uma vez que a água esteja totalmente drenada, coloque o moong dal numa
    tigela grande, de forma a receber os restantes ingredientes.
    Adicione o pepino picado, o côco ralado, as folhas de coentro, corte os chillis
    verdes e misture bem. Reserve.
    Aqueça o óleo numa panela pequena, coloque as sementes de mostarda,
    adicione a assafoetida, as folhas de caril e refogue por alguns segundos.
    Desligue o lume, logo que sinta o aroma apurado.
    Adicione este refogado sobre o moong dal e misture bem.
    Apenas no momento de servir, adicione o sal, o sumo de limão e misture bem.
    Salada Kosambri está pronta para servir !
    Dicas
    Se preferir, pode adicionar uma manga crua cortada finamente ou cenoura ralada.
    Neste caso, se usar a manga descarte o limão.
    Namasté

    Read More
  • Christmas Pudding ( Bolo de Natal ) Vegano 2017-11-30

    Christmas Pudding ( Bolo de Natal ) Vegan
    Tempo de preparação
    Preparar: 15 minutos
    Cozinhar: 4 horas (excluindo tempo de imersão e arrefecimento)
    Serve: 10 pessoas
    Este Pudim de Natal com especiarias aromáticas, quentes e frutadas é tão rico
    e indulgente quanto o original, é completamente livre de productos lácteos e sem ovos, tão
    adequado a veganos !!
    A maçã ralada ajuda a mantê-lo húmido, e as frutas secas tradicionais e
    especiarias dão-lhe um toque festivo ideal!!
    Christmas Pudding ( Bolo de Natal ) Vegan

    Tempo de preparação
    Preparar: 15 minutos
    Cozinhar: 4 horas (excluindo tempo de imersão e arrefecimento)
    Serve: 10 pessoas
    Este Pudim de Natal com especiarias aromáticas, quentes e frutadas é tão rico
    e indulgente quanto o original, é completamente livre de productos lácteos e
    sem ovos, tão adequado a veganos !!
    A maçã ralada ajuda a mantê-lo húmido, e as frutas secas tradicionais e
    especiarias dão-lhe um toque festivo ideal!!
    Ingredientes
    200 gr de frutas secas à escolha
    50 gr de cascas de fruta cristalizadas
    100 gr de figos secos, picados
    100g de corintos
    100 ml de Brandy (ou sumo de laranja)
    1⁄2 casca de laranja, ralada
    1⁄2 casca de limão, ralado
    ½ colher de chá de fermento em pó
    ½ colher de chá de noz-moscada
    ½ colher de chá de gengibre em pó
    1 colher de chá de canela em pó
    1 colher de chá  mixed spice
    ½ colher de chá de sal
    1 maçã, descascada e ralada
    40g de flocos de aveia triturado
    2 colheres de sopa Black Treacle
    Use uma forma de pudim com capacidade para 1 litro.
    Corte um círculo de papel vegetal e coloque-o na base da forma.
    Numa tigela, envolva todos os frutos secos picados com o álcool
    (ou sumo de laranja) e deixe embeber durante 2 horas, mexendo ocasionalmente
    para permitir que a fruta se suavize.
    Numa tigela grande, adicione o sueto, o açúcar, a laranja e o limão usando uma
    colher de pau.
    Em seguida, peneire na farinha, o fermento, as especiarias e o sal e misture bem.
    Adicione a maçã ralada, os flocos sem glúten triturados, black treacle e a fruta
    embebidas.
    Envolva bem até ficar uma mistura homogénea.
    Cubra totalmente com papel vegetal anti-aderente dobrado para dar uma cobertura
    dupla, depois dobre no meio (para permitir que o pudim cresça). Cubra tudo com
    um pedaço de papel de alumínio, amarre uma corda ao redor da forma para manter
    o papel e a folha no lugar. Faça um laço para usar como alça para levantar o pudim
    da panela depois de cozinhar.

    Coloque um prato pequeno no fundo de uma panela grande, para iniciar o processo
    de banho-maria. Coloque cuidadosamente a forma de pudim sobre o prato.

    Em seguida, despeje água na panela até a meio da forma.
    A água não deve tocar na folha ou poderá infiltrar-se no pudim.
    Leve a ferver, e reduza a lume brando, cubra com uma tampa e cozinhe por
    4 horas. Verifique ocasionalmente se necessita de acrescentar mais água.

    Quando o pudim estiver cozido, levante-o cuidadosamente da panela e deixe esfriar
    por 15 a 20 minutos.
    Desenforme num prato e corte em fatias para servir.

    Dicas
    Este pudim pode ser feito com uma semana de antecedência.
    Deixe esfriar completamente e, em seguida retire o papel de cozedura e papel
    alumínio.
    Cubra novamente com outro papel limpo e guarde-o em local fresco e seco.
    Para servir, aqueça novamente em banho-maria, numa panela de água fervente
    durante 1/2 hora.
    Namasté


     

    Read More
  • Receita de Salada para Dietas 2017-10-17

    RECEITA DE SALADA PARA DIETAS 2017-10-17
    Salada com um sabor picante de malagueta e gengibre!
    Este prato inspirado no sudeste asiático é atraente, e fácil de preparar para quem faz dieta
    saudável, para levar a piqueniques ou para acompanhar um churrasco!
    O que vai precisar
    2 peitos de frango grelhados
    65 gr de macarrão de arroz
    1 pimento cor de laranja, cortado
    2 tomates, cortados em cubos
    1 cenoura, ralada
    2 cebolinhos picados
    1⁄2 pepino ralado
    2 punhados de agrião
    1 lima, em sumo
    1 grande molho de coentros frescos, picado
    1 malagueta vermelha, picada
    4 colheres de chá de tamari
    1 colher de chá de gengibre ralado
    1 grande punhado de flocos (chips ) de côco
    1 colher de sopa de açúcar de côco
    Sal rosa de Himalaia
    Vamos começar!
    Cozinhe o macarrão de arroz e grelhe os peitos de frango, e reserve para esfriarem.
    Prepare os ingredientes da salada e coloque-os numa tigela.
    Corte o frango. Adicione os noodles e o frango na tigela de salada e misture todos os
    ingredientes cuidadosamente.
    Sirva num prato e decore com coentro fresco e pimenta por cima.
    Está pronto para ser degustado!
    RECEITA DE SALADA PARA DIETAS 2017-10-17
    Salada com um sabor picante de malagueta e gengibre!
    Este prato inspirado no sudeste asiático é atraente, e fácil de preparar para quem
    faz dieta saudável, para levar a piqueniques ou para acompanhar um churrasco!
    O que vai precisar
    2 peitos de frango grelhados
    1 pimento cor de laranja, cortado
    2 tomates, cortados em cubos
    1 cenoura, ralada
    2 cebolinhos picados
    1⁄2 pepino ralado
    2 punhados de agrião
    1 lima, em sumo
    1 grande molho de coentros frescos, picado
    1 malagueta vermelha, picada
    4 colheres de chá de tamari ( molho de soja sem glúten )
    1 colher de chá de gengibre ralado
    1 grande punhado de flocos (chips ) de côco
    1 colher de sopa de açúcar de côco
    Vamos começar!
    Cozinhe o macarrão de arroz e grelhe os peitos de frango, e reserve para
    esfriarem.
    Prepare os ingredientes da salada e coloque-os numa tigela.
    Corte o frango. Adicione os noodles e o frango na tigela de salada e misture
    todos os ingredientes cuidadosamente.
    Sirva num prato e decore com coentro fresco e pimenta por cima.
    Está pronto para ser degustado!

     

    Read More
  • Curry de abóbora para VATA 2017-10-04

    CURRY DE ABÓBORA PARA VATA 2017-10-04
    A temporada de Vata, em geral, é de Outubro a Fevereiro.
    A Vata está associada a um clima ventoso, seco e frio.
    À medida que nosso ambiente externo muda, a Vata aumenta no nosso próprio ambiente
    interno.
    É a altura de mudar nossa dieta e rotina diárias para que eles estejam em sintonia com as
    mudanças físicas no ambiente.
    O princípio geral mais importante para todos, em relação à dieta durante a temporada de Vata
    é ter alimentos quentes e cozidos.
    Uma vez que Vata é frio, seco e áspero, os alimentos cozidos, com um pouco
    de azeite ou ghee, têm um maravilhoso efeito calmante.
    Tempo de preparação
    Serve: 2 pessoas
    CURRY DE ABÓBORA PARA VATA 2017-10-04
    A temporada de Vata, em geral, é de Outubro a Fevereiro.
    A Vata está associada a um clima ventoso, seco e frio.
    À medida que nosso ambiente externo muda, a Vata aumenta no nosso
    próprio ambiente interno.
    É a altura de mudar nossa dieta e rotina diárias para que eles estejam
    em sintonia com as mudanças físicas no ambiente.
    O princípio geral mais importante para todos, em relação à dieta
     durante a temporada de Vata é ter alimentos quentes e cozidos.
    Uma vez que Vata é frio, seco e áspero, os alimentos cozidos, com
    um pouco de azeite ou ghee, têm um maravilhoso efeito calmante.

    Tempo de preparação
    Serve: 2 pessoas

    Ingredientes
    3 chávenas de abóbora, BUTTERNUT SQUASH
    1 colher de sopa de passas (embebidas em água por 15 minutos)
    2 colheres de chá de caju triturado
    1 colher de chá de açúcar mascavado
    1 colher de sopa de folhas de coentro picado
    ½ colher de chá de sal de himalaya
    1 colher de sopa de ghee
    1 colher de chá cominho em pó
    1/2 colher de chá gengibre em pó
    1/2 colher de chá de fenugrego em pó
    1/2 colher de chá de curcuma em pó
    1/4 colher de chá sementes de ajwain
    Como preparar
    Asse no forno a abóbora ou coza a vapor, conforme a sua preferência.
    Quando estiver arrefecida corte em cubos.
    Aqueça o ghee numa caçarola, e salteie as especiarias todas, o cajú, o açúcar mascavado e as
    passas.
    Adicione cubos de abóbora à mistura anterior.
    Adicione o sal e o coentro fresco.
    Cozinhe por 5 minutos.
    NAMASTÉ

     

    Read More
  • Receita Ayurvédica para Sono Profundo 2017-06-05

    RECEITA AYURVÉDICA PARA SONO PROFUNDO 2017-06-05

    Desequilíbrios e soluções para um sono descansado

    Na verdade, existem três tipos principais de distúrbios do sono de acordo com a

    Ayurveda, causados por desequilíbrios em Vata, Pitta ou Kapha (doshas).

    * O desequilíbrio de sono em Vata * ocorre quando a coordenação entre a

    aprendizagem, a memória e o recordar se tornam fracos.

    Se alguém estiver a tentar adormecer e a sua mente não cessa de pensar em todos os

    eventos do dia e a reproduzir os sentimentos e emoções que os acompanharam,

    será incapaz de se distanciar e descansar corretamente no sono.

    Ou poderá nem adormecer, ou o sono será tão leve e inquieto que irá acordar

    cansado.

    * O desequilíbrio do sono em Pitta * adormecem sem problemas, mas tendem a

    acordar nas primeiras horas da manhã e podem não adormecer novamente ou

    por várias horas. São sintomas de pessoas que sofrem algum trauma emocional

    nas suas vidas ou apenas uma característica comum de um desequilíbrio em Pitta.

    * O distúrbio do sono relacionado ao Kapha * ocorre quando uma pessoa

    dorme longamente e profundamente, mas sente exaustão ao acordar.

    Pior ainda, um sentimento letárgico e aborrecido continua ao longo do dia.

    30% das pessoas sofrem de insónia crónica, e poucos percebem que este distúrbio

    pode elevar o risco de doenças degenerativas.

    Sugestões para dormir melhor

    - Levantar-se antes das 6:00 da manhã, pois dormir após o amanhecer (período de

    Kapha elevado entre 6:00-10:00) causa ama (toxinas) que se acumula, criando uma

    sensação maçante e cansativa ao acordar.

    - Reduza gradualmente o consumo de café.

    - Tente jantar uma refeição ligeira o mais cedo possível e deitar-se até às 22:00.

    - Tente adotar uma prática de meditação de 10 a 15 minutos, antes de adormecer

    para garantir um sono profundo.

    A sugestão de beber leite quente antes de dormir tem sido usado há milhares de

    anos na Ayurveda demonstrando benefícios que atingem muito para além de um

    bom sono.

    Embora muito diferente dos níveis de stress crónico de hoje, o stress ainda era

    um problema de saúde mesmo naquela época.

    De acordo com Ayurveda, o stress excessivo ou crónico esgota uma substância

    preciosa no nosso corpo chamado de Ojas.

    Os Ojas levam 30 dias para serem fabricados pelo nosso corpo.

    Na Ayurveda, há certos alimentos e ervas que são específicos para construir e

    restaurar os Ojas, e tudo começa com leite...

    (Oja é a substância no corpo, que dá força, vigor, vitalidade, melhora o poder de

    imunidade, cuida do bem-estar interior e está presente em todo o corpo, tal como

    o ghee existe no leite ou o mel existe na flor.)

    Remédio para um sono bom e profundo

    Ingredientes

    1 chávena de leite

    1 colher de sopa de Tâmaras picadas

    2 colheres de chá de Amêndoas picadas 

    1 colher de sopa de Flocos de côco

    1⁄2 colher de chá de Curcuma em pó

    1-2 colheres de chá de Ghee

    1/8 de colher de chá de Cardamomo em pó

    3-4 filamentos de Açafrão

    1/8 colher de chá de Shatavari em pó

    1/8 colher de chá de Ashwagandha em pó

    1 colher de chá de mel cru 

    Método de preparação

    Adicione todos os ingredientes ao leite e leve a ferver.

    Ferva por 5 minutos. Apague o lume e adicione o mel no final.

    Beba uma chávena de leite quente, todas as noites durante 3 meses para reconstruir os níveis

    de Ojas e suportar os padrões de sono.

    Pode substituir por leite de arroz ou amêndoa, conforme a sua preferência.

    Namasté


     

     

    Read More
  • Frango Tandoori 2017-05-22

    FRANGO TANDOORI 2017-05-22

     

    As origens do frango Tandoori

    A história única do frango Tandoori remonta ao tempo dos Mughals.

    Antigamente, os reis faziam grandes festas nos seus palácios e a sua popularidade entretanto, expandiu-se através da Índia em épocas mais recentes.

    Pouco antes da divisão da Índia, existiu um homem chamado Kundan Lal Gujral

    que geria um restaurante em Peshawar. A fim de manter os seus clientes

    interessados e adicionar um toque original ao menu, ele começou a cozinhar

    o habitual frango num forno cilíndrico de barro, dando-lhe assim um carismático

    crocante à sua pele e um aspecto reconhecidamente vermelho brilhante – e

    suculento, que se tornou um enorme sucesso.

    O brilho alaranjado brilhante da cúrcuma, o cardamomo, o cominho, tornam

    fácil apaixonarmo-nos por este prato fantástico !!!

    Os clientes que visitaram o restaurante ficaram naturalmente encantados com a

    nova preparação e celebraram a sua nova ideia.

    Mais tarde, mudou-se para Delhi e o seu restaurante atingiu uma enorme

    popularidade. Inclusive o Primeiro-Ministro da Índia, o Sr. Nehru ficou muito

    impressionado comesta iguaria de Frango Tandoori.

    O Frango Tandoori tornou-se assim, um prato incrivelmente popular existente

    em todos os menus dos restaurantes indianos.

    Em Delhi, Gujral fundou um novo restaurante, o Moti Mahal, que passou a

    popularizar-se também nos bem conhecidos Butter Chicken e Dal Makhani.

    Nos anos 50 já era tão popular que atraiu inúmeros novos visitantes, entre

    celebridades e líderes mundiais.

    Nixon, John F. Kennedy e Gandhi visitaram-no, uma vez que o restaurante de

    Gujral tornou-se aclamado como o ex-libris da nova culinária indiana - e do

    tandoori – tornando-se assim reconhecido além fronteiras.

     

    Tempo de preparação 8 horas (marinar) + 45 min (assar ou grelhar)

    Serve 4 pessoas

    Planear com alguma antecedência, pois esta delícia precisa de tempo.

    De facto, pelo menos 8 horas a marinar, de preferência durante a noite.

    O tempo de cozedura é de apenas 45 minutos, mas compensa todo o tempo de

    preparação para alcançar o máximo sabor que apenas um bom prato Tandoori

    oferece.

     

    Ingredientes

    1 frango (remova a pele e toda a gordura visível, e cortado em pedaços médios)

    125 gr de iogurte natural

    2 colheres de sopa de sumo de limão

    1 colher de sopa pasta de alho & gengibre

    1 colher de sopa de cominho em pó

    1 colher de chá de coentro moído

    ½ colher de chá de pimenta caiena ou kashmiri chilli em pó

    ¼ colher de chá de cardamomo em pó

    ¼ colher de chá de cravinho em pó

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    ¼ colher de chá de pimenta-do-reino em pó

    ½ colher de chá garam masala (ou optar pela nossa mistura de

     Tandoori Masala Moído ou em Pasta)

    Sal a gosto

    Óleo para pincelar

    Coentro fresco para enfeitar

    Fatias de pepino, cebola vermelha, tomate e limão, para decorar

     

    Modo de preparação

    Com uma faca afiada, faça golpes semi-profundos no frango para permitir que a

    marinada penetre.

    Coloque o frango num grande prato fundo.

    Numa tigela de vidro, misture o iogurte, o sumo de limão ou vinagre, o alho,

    o gengibre, o cominho, o coentro moído, a pimenta caiena, o cardamomo, o

    cravinho, a pimenta preta e o sal.

    Misture bem e em seguida despeje a mistura sobre o frango e esfregue-a

    vigorosamente em toda a superfície da carne, virando o frango tantas vezes

    quantas necessárias.

    Cobrir e refrigerar por 8 horas (para melhores resultados durante a noite, mas

    não marinar além de 2 dias).

    Retire o frango do frigorífico pelo menos 30 minutos antes de grelhar.

    Remova o frango da marinada, pressionando levemente de forma a extrair

    apenas o excesso e pincele com óleo.

    Opção grelhador

    Coloque os pedaços de frango numa grelha bem oleada, virando-o 3 ou 4 vezes,

    durante 45 minutos ou até verificar os molhos a pingar.

    Opção forno

    Pré-aqueça o forno a 200 graus e coloque o frango num tabuleiro próprio,

    pincele com o óleo e cozinhe, virando uma vez, entre 25 a 30 minutos até

    que veja os molhos a pingar da carne.

    Sirva com raminhos de coentro e fatias de pepino, cebola vermelha, tomate

    e limão. Pão Nan e Arroz Basmati não devem faltar !!!

     

    Desfrute !!

     

     

     

     

    Read More
  • Red Lentil & Spinach Dahl 2017-04-21

    RED LENTIL & SPINACH DAHL 2017-04-21

    Ideal para uma leve desintoxicação na Primavera.


    À medida que saímos do ambiente pesado e escuridão do Inverno, emerge um

    sentimento de leveza e esperança no ar...

    Infelizmente por vezes, a transição para a Primavera pode ser exigente para os

    nossos corpos!

    Para muitos, a primavera está associada a congestão respiratória e a quantidades

    excessivas de muco que podem levar a sintomas de sinusite, tosse, resfriados,

    asma, febre do feno, problemas digestivos, dores nas articulações, entre outros

    sintomas.

    Assim sendo a Primavera é momento ideal para fazer uma desintoxicação, para

    perder peso e aumentar o vigor.

    Do ponto de vista ayurvédico, a Primavera tem tudo a ver com a redução do

    Kapha. (Kapha é pesado, pegajoso e lento).

    Esta estação propicia um dos melhores momentos do ano para desintoxicar o nosso

    corpo, por exemplo através de terapias conhecidas Nasya e Jala Neti.

    Na ayurveda equilibramos cada estação incrementando certos sabores e reduzindo

    outros. Na Primavera precisamos de sabores mais pungentes, amargos e 

    adstringentes.

    Certifique-se que estes sabores, são de uma boa origem e de excelente qualidade.

    Por exemplo, o sabor picante: especiarias como pimenta preta & gengibre; o sabor

    amargo e adstringente: folhas verdes, chá de dente-de-leão e urtiga.

    É altura de reduzir os alimentos que são pesados, pegajosos, azedos, salgados e

    doces.

    Agora precisamos alimentos mais leves e alcalinos que ajudam à limpeza natural e

    ao processo de desintoxicação durante a Primavera.

    Evite ou reduza os seguintes itens: batatas, massas, fritos, alimentos processados,

    pão e junk food.

    Ame os alimentos verdes: as folhas verdes são amargas, adstringentes e por vezes

    também pungentes, tornando-se assim um excelente complemento à sua dieta.

    Exemplos: alho selvagem, rúcula, coentro, folhas de mostarda, folhas de

    dente-de-leão e folhas de urtiga.

    Tente incluí-los na sua dieta diariamente.

    Reduza o leite: os produtos lácteos são pesados, pegajosos e aumentam a congestão

    das mucosas. Se consumir leite certifique-se que será apenas em pequenas

    quantidades, fervido, quente e bem temperado com especiarias

    (podemos e devemos adicionar aos produtos lácteos: curcuma, canela, gengibre,

    cardamomo e pimenta preta).

    Incluir cevada: é um dos grãos mais adequados para comer durante a Primavera,

    uma vez que tem a capacidade de secar o excesso de mucosas no corpo, regular

    o açúcar no sangue e limpar o sistema linfático.

    Mantenha o seu corpo em movimento: exercício é uma necessidade absoluta durante

    a Primavera! O movimento físico é uma ótima maneira de reduzir o excesso de Kapha.

     

    Serve 4 a 5 pessoas

     

    Ingredientes

    1 chávena de Lentilhas vermelhas

    5/5 copos de água

    1 colher de café de Curcuma em pó

    ½ colher de café de Chilli vermelho em pó

    1 cebola média

    1 tomate médio

    2 dentes de alho

    1 colher de café de pasta de gengibre

    1colher de sopa de ghee

    1colher de café de sementes de cominho

    1 pitada de assafetida (por porção)

    180 gr de espinafres

    sal a gosto

     

    Modo de preparação

    Numa panela coloque 1 chávena de lentilhas vermelhas previamente lavadas e

    adicione 5 copos e meio de água. Adicione a curcuma, o chilli seco e o sal.

    Levar a ferver e manter até ficar cremoso.

    Corte finamente a cebola, o tomate, o gengibre e o alho.

    Numa frigideira já quente, coloque a derreter 1 colher de chá de ghee, e adicione as

    sementes de cominho. Frite-as por alguns segundos até sentir-lhes o aroma,

    adicionando em seguida as cebolas e o gengibre. O lume deverá ser médio.

    Deixe dourar e adicione a assafétida, o tomate picado, o alho e os espinafres.

    Permita este processo de redução por cerca de 30 minutos (ajuste a quantidade

    de água adicional ou a intensidade do lume para evitar que o molho queime ou

    desidrate).

    Quando o molho estiver pronto, misture as lentilhas vermelhas.

    Deixe-os cozinhar juntos por cerca de 10 minutos.

    Sirva como uma sopa ou acompanhe com arroz ou um chapati.

     


    Namasté

     

     

    Read More
  • Chettinad Chicken Masala / Dry Curry 2017-04-18

    CHETTINAD CHICKEN MASALA / DRY CURRY 2017-04-18


    Chettinad é uma pequena região em Tamil Nadu famosa e amplamente conhecida

    pela sua deliciosa cozinha que reflete de forma excelente os sabores autênticos

    do sul da Índia. Pessoas de quase todo o mundo tornaram-se fãs de todas as

    receitas de Chettinad, em especial os pratos não vegetarianos.

    Kara kulambu é um prato de degustação picante e ácido de caril vegetariano,

    sendo assim outra das especialidades desta cozinha muito popular.

    Este masala de frango Chettinad é uma versão seca e tem sabores surpreendentes caracterizados pelas sementes de funcho, sementes de cominhos e pimenta preta.

    Dica

    Tostar as especiarias antes da moagem traz-lhes um aroma e sabores

    incrivelmente deliciosos.

     

    Serve 4 pessoas

     

    Ingredientes

    500 gr de galinha (cortada em cubos grandes)

    75 gr de Challotas ou Cebolas

    1 colher de sopa de pasta de gengibre & alho

    6 a 8 chillis secos

    1 colher de sopa de sementes de cominho

    1 colher de sopa de sementes de coentro

    1 colher de sopa depsementes de funcho

    ¼ ou ½ colher de sopa de pimenta preta em grão

    Sal a gosto

    6 colheres de sopa de óleo

    Folhas de coentro e folhas de curry - algumas para decorar (opcional)

     

    Modo de preparação

    Lave bem os pedaços de frango e reserve.

    Aqueça uma panela ou um wok e asse os 5 seguintes ingredientes secos, muito

    ligeiramente até sentir um aroma agradável. Cautela para não torar demasiado

    ou queimá-los.

    Para o pó de Masala

    1. Chillis vermelhos secos

    2. Sementes de cominho

    3. Sementes de coentro

    4. Sementes de funcho

    5. Pimenta preta em grão

    Depois de tostados, moer até obter um pó fino.

    Este é o autêntico pó de masala de frango Chettinad.

    Descasque as cebolas e coloque-as num liquidificador obtendo uma

    pasta grosseira.

    Aqueça uma frigideira, adicione o óleo e refogue a pasta de cebola por 10 minutos.

    Em seguida adicione 1 colher de sopa de pasta de gengibre & alho e continue

    a refogar por mais alguns minutos.

    Em seguida adicione ao refogado, os pedaços de frango e cozinhe-os por uns

    bons 5 minutos.

    Adicione o pó de masala e misture bem.

    Após 2 minutos junte 1 chávena de água, sal a gosto e mexa bem.

    Tape a panela e cozinhe em lume brando até que o frango fique bem cozido.

    Vá juntando água se necessário e mexa ocasionalmente para que o frango não se

    queime. Mantenha sempre o lume brando.

    Quando a água se evaporar e o frango parecer bem cozido retire do lume e sirva.

    Decore com os coentros e as folhas de curry, se desejar.

    Delicioso e aromático Chettinad Chicken Masala está pronto !!

    Sirva com arroz basmati ou qualquer variedade de pão indiano e divirta-se !!

     

     

     

     

     

     

    Read More
  • Veggy Burguer ( Indian Style ) 2017-03-27

    VEGGY BURGUER ( INDIAN STYLE ) 2017-03-27


    Este é um hamburguer vegetariano saudável, delicioso e nutritivo.

    O principal ingrediente é o Kala Chana também conhecido como Bengal Gram

    (grão de bico da India).

    O Kala Chana é rico em proteínas, e é muito saboroso quando cozinhado com

    alguns vegetais e especiarias indianas. Esta receita de hamburguer vegetariano

    é uma versão indiana.

    Vai adorar estes VEGGY BURGERS !!

    Naturalmente conhecido como Kala Chana (em Hindi) na Índia, o grão-de-bico faz

    parte da dieta vegetariana na Índia.

    Estes grãos são basicamente leguminosas pertencentes à família das Fabaceae.

    A planta é de porte pequeno e encontra-se maioritariamente em regiões tropicais

    e subtropicais.

    Os grãos são excelentes fontes de proteína. Geralmente existem duas variedades

    de grão-de-bico, desi e kabuli. O grão desi é a variedade mais escura e mais pequena

    com uma cobertura externa áspera enquanto que a variedade kabuli é

    comparativamente maior e apresenta uma cor clara com um toque mais liso.

    Os grãos-de-bico pretos, variedade desi, contêm um elevado teor de fibra e

    um índice glicémico mais baixo.

    Sendo uma leguminosa extremamente versátil, é amplamente utilizada numa

    variedade de pratos do Médio Oriente tais como os falafels, hummus e o caril, bem

    como em saladas, sopas e ensopados ou até mesmo como um lanche rápido.

    Além do seu sabor delicioso, gosto e textura amanteigada, o grão-de-bico preto é

    extremamente benéfico para a saúde.

    Sendo baixo em gordura e rico em fibras alimentares, vitaminas e minerais

    (garbanzos), os kala chana são essencialmente um ingrediente saudável no nosso

    dia-a-dia.

    Duas a três colheres de sopa destas leguminosas é equivalente a uma porção das

    cinco necessárias recomendadas diariamente de frutas e vegetais.

    Veggy burger é um dos alimentos favoritos entre crianças e jovens.

     

    Aqui está uma receita extremamente fácil de fazer Indian Veggy Burguer !!

    Serve 8 a 10 Veggy Burguers

    Ingredientes

    1 chávena de kala chana

    1 chávena de batata cozida descascada e triturada

    ½ chávena de cebola picada

    2 chávenas de mistura de vegetais (cenoura, ervilhas, feijão verde)

    2 colheres de chá de pasta de gengibre & alho

    1 chilli verde cortado em 3 a 4 pedaços (ajustar a gosto)

    2 colheres de sopa de coentro picado

    1 colheres de chá de sementes de funcho grosseiramente moídas

    2 colheres de chá de coentro em pó

    1 colher de café de curcuma em pó

    ¼ colher de chá de garam masala 

    1 colher de chá de manga seca em pó (amchoor)

    ¼ colher de chá de pimenta caiena

    2 chávenas de pão ralado 

    2 colheres de sopa de óleo

    pãezinhos de hamburguer

    2 colheres de sopa de manteiga macia

    sal a gosto

     

    Modo de preparação

    Mergulhe os grãos Bengal em 3 chávenas de água durante pelo menos 8 a10 horas,

    renovando a água entre 3 a 4 vezes.

    Cozinhe-os em 3 ou 4 chávenas de água por cerca de 30 minutos e depois escorra-os,

    reservando a água restante para sopas.

    Picar o Bengal numa processadora, sem adicionar água até formar uma pasta de

    aspecto seco e granulado.

    Retire do processador e adicione os restantes ingredientes juntamente com o pão

    ralado. Misture bem.

    Divida a mistura em partes iguais e forme os hamburguers em bolas, espalmando-os

    em seguida, dando-lhes o seu aspecto final.

    Com um pouco de óleo, aqueça uma frigideira em lume médio e coloque os

    hamburguers a tostar de ambos os lados até dourarem. Deve demorar-se cerca de

    8 minutos em cada um.

    De seguida grelhe ligeiramente os pães com manteiga.

    Prepare o hamburguer vegetariano barrando com chutney de coentros frescos ou

    chutney de tamarindo & tâmaras ou ketchup & mayonese, as folhas de alface e

    1 fatia de queijo.

    E o delicioso hamburguer vegetariano está pronto para servir.

    Esta delícia é muito prática para lanches.

     

    Apreciar !!


     

     

     

     

    Read More
  • Samosas (Aperitivo) Samosas de Frango 2017-03-03

    SAMOSAS (APERITIVO)  SAMOSAS DE FRANGO 2017-03-03

     Hummmmmmmmmm !!

    Quem é que não gosta de SAMOSAS ??

    A samosa é uma massa frita ou assada de um recheio saboroso, com batatas

    temperadas, cebolas, ervilhas, lentilhas, ou carne picada.

    O tamanho e consistência podem variar, mas tipicamente são distintamente

    conhecidas pela forma triangular ou tetraédrica. As samosas indianas são

    geralmente vegetarianas e bem acompanhadas por um molho de hortelã ou um

    chutney.

    Hoje, a samosa é um snack popular em todas as partes do mundo.

    Um lanche perfeito!

    Siga estas instruções passo-a-passo para dobrar as suas

    samosas triangulares.

    (veja também a imagem para assar as samosas no forno)

    Passo 1 – Sobreponha as várias camadas de massa e corte os cantos

    dos retângulos para que se assemelhem a um telhado.

    Passo 2 - Retire lentamente 1 folha da massa. Mantenha a humidade das

    restantes camadas cobrindo com uma toalha húmida.

    Passo 3 - Segurando uma folha da massa numa mão, a medida curta do telhado

    deverá estar no cimo da sua mão, e a medida comprida em baixo.

    Usando a outra mão, dobre uma asa para dentro.

    Passo 4 - Espalhe uma faixa de uma pasta de água com farinha, na asa acabada

    de dobrar.

    Passo 5 - Espalhe também sobre a outra extremidade, sobrepondo-a em

    seguida na asa dobrada.

    Passo 6 - O laminado da massa da samosa deverá parecer-se como se vê na

    imagem, assumindo assim uma espécie de bolsa.

    Passo 7 - A mistura para iniciar-se o enchimento deverá estar seca.

    Passo 8 - Encha a bolsa de samosa com o recheio.

    Passo 9 - Uma vez recheado, coloque um pouco da pasta de farinha na

    extremidade dos dois triângulos antes de fazer a dobra final.

    Passo 10 - Para este passo, segure a samosa numa mão e com a outra,

    dobre gentilmente para formar uma "tampa", certificando-se de que não

    deixa nenhum orifício nos cantos.

    Passo 11 - Use o seu polegar para assegurar-se que os cantos estão bem

    selados.

    Passo 12 - Depois de espalhar, mais uma vez, a pasta de farinha, pressione

    suavemente para baixo para selar finalmente a samosa.

    Passo 13 - Samosa laminada, visto de frente.

    Passo 14 - Samosa laminada, visto de trás.

    Passo 15 - Use óleo em spray (ajuda a usar menos óleo) para humedecer a

    bandeja.

    Passo 16 - Para pincelar, coloque 3 colheres de sopa de óleo numa tigela ou

    use o spray se preferir.

    Passo 17 – Pincele/humedeça as samosas levemente com óleo em ambos

    os lados e coloque-as no forno.

    Passo 18 - Retire-as do forno quando estiverem uniformemente douradas

    e crocantes.

    Passo 19 - Sirva as samosas quentes, com fatias de limão fresco e

     chutney verde ou chutney de tamarindo.

    Tempo de preparação 15 minutos

    Tempo de cozedura 25 minutos

    Ingredientes para o recheio

    2 peitos de frango, picado

    1½ colher de chá de chili em pó

    1/2 colher de chá de cúrcuma em pó

    1 colher de chá de garam masala

    1 colher de chá de funcho em pó

    2 colheres de chá de dhana jerra em pó

    ½ colher de chá de amchoor em pó (manga seca em pó) ou chat masala

    ¼ chávena de coentros frescos picados

    3 cebolas, pequenas e picadas

    2 colheres de sopa de óleo

    Sal a gosto

    1 colher de sopa de pasta de gengibre & alho

    pimentões verdes picados a gosto

    Ingredientes para enformar

    25 a 30 folhas de samosa congelada para descongelar

    Óleo ou manteiga para pincelar as samosas

    3 colheres de sopa de farinha branca

    3 colheres de sopa de água

    Óleo para fritar ou colocar no forno

    Modo de preparação

    Numa panela, misture o frango com todos as especiarias do recheio.

    Cozinhe tapado até que o frango esteja bem cozido e apresente um tom

    castanho claro. Reserve.

    Aqueça uma frigideira anti-aderente e adicione óleo.

    Coloque a cebola picada e continue a refogar até ficar translúcida.

    Adicione a pasta de gengibre & alho e o pimentão verde, refogue até que

    as cebolas se tornem castanhas.

    Adicione o frango cozido ao refogado e frite por alguns minutos.

    Adicione o coentro, cozinhe por um minuto, desligue o lume e reserve.

     

    Parar fritar em óleo, assegure-se que a massa já recheada fica submersa.

    Frite as samosas até atingirem um tom castanho dourado ou por cerca de

    5 a 7 minutos.

    Transferir para uma toalha de papel de cozinha, para retirar o excesso de óleo.

    Sirva quente com ketchup ou molho de pimentão.

    Bom apetite !!


     

     

    Read More
  • Modak ( Indian Dumplings ) 2017-03-03

    MODAK (INDIAN DUMPLINGS) 2017-03-03

     

    Modak é uma iguaria típica Maharashtrian.

    O modak tradicional é um bolinho doce de massa feito com farinha de arroz, cozido

    ao vapor.

    O recheio é preparado com côco ralado e jaggery (açucar de cana usado na Ásia e

    Índia), adicionando outros condimentos a gosto.

    Se preferir, pode dar-lhes um toque moderno e prepará-los com chocolate ou laranja

    e amêndoa.

    Os modaks têm uma importância especial nos rituais de adoração ao deus

    Hindu Ganesha.

    Durante a cerimónia de adoração ao Ganesha, conhecida em Maharashtra como

    Ganesha Chaturthi, a puja termina sempre com uma oferta de vinte e um modaks à

      divindade como Prasadam (amor e devoção) pois é um doce delicioso para toda a

    família, especialmente entre os mais jovens.

    Os modaks não têm GLÚTEN e são VEGETARIANOS.

     

    Ingredientes

    Para o recheio

    2 chávenas de côco ralado

    1 chávena de jaggery ralado 

    1 colher de chá de sementes de papoila

    uma pitada de noz-moscada

    uma pitada de cardamomo em pó

    2 colheres de sopa de ghee

    5 a 6 filamentos de saffron

    Para a massa envolvente

    1 chávena de água

    2 colheres de chá de ghee

    1 chávena de farinha de arroz

     

    Modo de preparação

    Para o enchimento

    Aquecer uma panela e adicionar o ghee, o côco ralado e o jaggery.

    Adicione os restantes condimentos, misture bem e cozinhe num lume médio.

    Mexa continuamente até que se tornem numa massa homogénea.

    Não cozinhe demais (mais ou menos 5 minutos).

    Retire do lume e deixe esfriar.

    Para a massa envolvente

    Num tacho fundo ferva a água com o ghee e depois apague o lume.

    Adicione a farinha e misture bem.

    Tape o tacho e deixe repousar por 5 minutos.

    Espalhe um pouco de ghee na base de uma tigela de metal enquanto a massa ainda

    estiver quente e amasse bem.

    Retire num pouco da massa, faça uma bola firme, molde as extremidades em todo o

    redor num padrão em flor.

    Coloque uma colher generosa do recheio no centro da massa e feche-a no topo,

    como um saquinho.

    Envolva os bolinhos num pano de musselina (tecido leve e transparente) e leve-os

    ao vapor por 10 a 15 minutos na cesta de bamboo.

    Os modaks são servidos quentes ou frios, conforme a sua preferência.

     

    NAMASTÉ

     

     

     

     

    Read More
  • BEBIDA DE AMÊNDOAS BIOLÓGICAS 2017-02-25

    BEBIDA DE AMÊNDOAS BIOLÓGICAS em pó 2017-02-25


    A d
    eliciosa bebida de Amêndoas repõe a energia perdida tanto em jovens
    como em seniores.
    Reconhecida pelas suas propriedades revigorantes, a amêndoa é muito usada
    na produção de bebidas estimulantes e refrescantes, seja depois de atividades
    desportivas ou no dia-a-dia.

    A Bebida de Amêndoas Biológicas da Maharishi Ayurveda combina as qualidades

    revitalizantes e aromáticas da amêndoa com plantas ayurvédicas e especiarias

    selecionadas que lhe conferem o sabor especial que a torna tão popular.
    Pode misturar o pó ao leite frio ou quente, aos sumos e até à água. Use
    também para dar um toque especial aos seus cereais de pequeno-almoço ou
    a qualquer sobremesa. Muito nutritiva, esta bebida é um bom começo de dia ao

    pequeno-almoço, um delicioso refresco ao longo do dia ou uma bebida relaxante à noite.

    Modo de preparação
    Misture 2 a 3 colheres (de chá) de pó num copo com água, sumo, leite quente ou frio.
    Adicione este pó aos cereais, conforme desejar.
    Conserve a embalagem bem fechada em local seco, fresco e protegido da luz do sol.

    BEBIDA DE AMÊNDOAS BIOLÓGICAS em lata 200g

    DISPONÍVEL na AYUR


    Ingredientes
    Cana de açúcar não processada * (Saccharum officinarum), Amêndoas (5%) *
    (Prunus dulcis), Ashwagandha ou ginseng indiano * (Withania somnifera),
    Dormideira * (Papaver somnifera), Bacopa monnieri, Cardamomo * (Elettaria
    cardamomum), óleo de Pandanus odoratissimus.
    * Provenientes de agricultura biológica certificada.

    BEBIDA DE AMÊNDOAS BIOLÓGICAS (EM PÓ)

     

    Read More
  • Panquecas Com Bananas ( RAGGI PANQUECAS ) 2017-02-23

    PANQUECAS COM BANANAS ( RAGGI PANCAKES ) 2017-02-23


    Receita Vegan

     

    Ingredientes

    ½ chávena de farinha de raggi (millet vermelho ou milho-painço)

    ½ chávena de farinha de côco

    1 banana em puré

    1 colher de café de fermento em pó

    uma pitada de sal

    óleo de coco

    1 ovo grande, batido (ou farinha de linhaça em substituição do ovo)

    OBS: Cada colher de farinha de linhaça juntamente com 3 colheres de sopa

    de água equivale a 1 ovo. Mexa bem e deixe repousar por cerca de 15 minutos.

    Este processo de descanso ajuda a mistura de farinha de linhaça desenvolver

    uma consistência gelatinosa semelhante à dos ovos.

     

    Modo de preparação

    Numa tigela grande misture bem todos os ingredientes.

    A massa deverá ser de consistência líquida mas não ao ponto aquoso nem muito

    grosso.

    Aqueça uma frigideira untada com um pouco de óleo em lume médio.

    Adicione uma concha ou ¼ de chávena da massa à frigideira.

    A quantidade de massa que verter irá definir o tamanho das suas panquecas.

    Aconselhamos começar com menos massa e, posteriormente ir adicionando

    lentamente mais massa, conforme o tamanho da sua preferência.

    Cozinhe cerca de dois minutos ou até que a face visível da panqueca fique

    dourada.

    Quando começarem a formar-se algumas pequenas bolhas vire a panqueca com

    cuidado.

    Cozinhe do outro lado até dourar e retire.

    Se desejar um tom acima acrescente 30 segundos em cada lado até que fiquem

    ao seu gosto.

    Sirva quentes com maple syrup (xarope de ácer) ou nectar de côco juntamente

    com algumas nozes picadas e manteiga.

     

    Desfrute !!

     

     

    Read More
  • Raggi - MIllet Vermelho Super Alimento 2017-02-23

    RAGGI - MILLET VERMELHO, O SUPER ALIMENTO 2017-02-23

    RAGGI (Nachinim) – O Super Alimento Millet Vermelho

    O que é o Raggi …?

    O grão raggi também conhecido por nachinim é uma potência em nutrientes, rico

    em vitaminas, minerais e fibras.

    Em comparação com o trigo e o arroz é bastante mais elevado em proteína.

    Tem um índice glicémico muito baixo, é alcalino e livre de glúten.

    O raggi tem uma maior fonte de cálcio (344 mg por 100g) em comparação ao

    arroz integral e ao milho, e tem um baixo teor de gordura.

    O consumo regular de Raggi ajuda a manter uma mente sã bem como o peso ideal,

    uma vez que controla os níveis de açúcar no sangue.

    Uma das características interessantes deste alimento é que fornece cálcio, fósforo,

    ferro, vitamina B1 e B2 em abundância, evitando assim qualquer desnutrição em

    casos de rigorosas dietas alimentares.

    Os vários modos de usar nachinim nos alimentos:

    O raggi em farinha é habitualmente consumido na preparação de alimentos como

    os rotipanquecas, papas, dumplings, pão ou bolachas.

    O raggi é delicioso em saladas se consumir germinado.

    O nachinim leva algum tempo para ser digerido, e embora rico em carbohidratos,

    retarda a absorção destes pelo sistema digestivo, o que o torna ideal para a perda

    de peso.

    No Nepal este grão pode ser usado para fabricar bebidas fermentadas tais como

    a cerveja.

    Puttu é um pequeno-almoço tradicional em Kerala, no sul da Índia, preparado com

    farinha de raggi e côco cozidos ao vapor numa cesta de bamboo.

    Benefícios mágicos do Raggi

    Aumenta o índice da hemoglobina

    Aliado na perda de peso

    Boa fonte de cálcio

    Rico em fibras

    Alimento vegan

    Ajuda a controlar a diabetes

    Reduz os triglicéridos

    Reduz o mau colesterol

    Reduz a pressão arterial

    Sem glúten

    Propriedades Ayurvédicas do Raggi

    Rasa (paladar): Doce

    Virya (ação no organismo): Tem uma potência de aquecimento

    Características: seco e leve

    Nos doshas:

    Equilibra Kapha

    Aumenta Pitta e Vata em quantidades excessivas

    Na mente, proporciona os estados de Sattva (equilíbrio) e Rajas

    (energia e movimento)

    Receita de papa de Farinha de Raggi

    Ingredientes

    2 colheres de chá de farinha de raggi

    1 copo de leite de amêndoas sem açúcar (leite de arroz ou de vaca, se preferir)

    1 colher de chá de amêndoas moídas (substitua por nozes ou castanha de cajú)

    1 pitada de gengibre em pó e cardamomo em pó

    Mel ou Jaggery a gosto (este link não direcciona para ambos os produtos)

     

    Modo de preparação para um pequeno-almoço

    Misture os ingredientes numa panela de tamanho médio.

    Leve a ferver em lume baixo, mexendo ocasionalmente para evitar grumos.

    Retire do lume.

    Adicione o mel ou a jaggery.

    Sirva quente.

     

    NAMASTÉ !!

     

    Read More
  • Thepla Ou Paratha ( Uma Variedade De Pão Indiano ) 2017-02-23

    THEPLA OU PARATHA (uma variedade de pão indiano) 2017-02-23

    Prato Vegetariano

    O que é o Gujarati Thepla?

    Gujarati Thepla é um pão indiano achatado feito de folhas de feno-grego,

    farinha integral, farinha de grão e algumas especiarias indianas,

    tornando-se assim um prato nutritivo e delicioso.

    Methi Paratha ou, também conhecido por Thepla é um delicioso prato que

    se complementa perfeitamente numa refeição principal, num lanche, na hora

    do chá ou para levar a piqueniques.

    Pode ser servido quente ou frio.

    Tempo de preparação

    10 minutos

    Tempo de cozedura

    20 minutos

    Serve: 6 paranthas

    Ingredientes

    1 chávena de farinha integral para chapatti

    1 colher de sopa de farinha de grão (besan)

    ½ colher de chá de chilli vermelho em pó

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    uma pitada de assa-fétida 

    ½ colher de chá de sementes de ajwain (sementes de funcho)

    1 colher de chá de dhana jerra em pó (mistura de cominhos e coentros)

    1 colher de chá de fenugrego em folhas secas

    1 colher de sopa de yogurte natural

    sal a gosto 

    óleo de farelo de arroz para assar as theplas

    Modo de preparação

    Misture todos os ingredientes numa tigela grande e amasse até obter uma

    consistência macia. Adicione água apenas se necessário.

    Reserve por 15 minutos.

    Divida a massa em seis partes iguais. Forme a massa em bolas.

    Estique-as separadamente com um rolo de madeira numa forma redonda

    em todas as direcções.

    Aqueça a frigideira e frite um de cada vez usando um pouco de óleo em

    ambos os lados até verificar que se formam alguns pontos castanhos.

    Quando estiverem uniformemente tostados remova-os e reserve.

    Repita este procedimento para todas as porções.

    Sirva quente com uma combinação de Chutney ou Pickle e Yogurte Natural.

     

    NAMASTÉ !!

     

    Read More
  • Chutney De Batata Doce 2017-02-23

    CHUTNEY DE BATATA DOCE 2017-02-23

     

    Este saudável e delicioso chutney de batata doce é uma versão de Kerala

    (Sul da Índia).

    A batata doce é processada numa pasta grossa juntamente com especiarias,

    tamarindo e a jaggery.

    A batata doce é uma excelente fonte de vitamina A na forma de Beta-Caroteno,

    fonte de vitamina C, manganês, cobre, ácido pantoténico e vitamina B6.

    São também uma boa fonte de potássio, fibras dietéticas, nascina, vitamina B1,

    vitamina B2 e fósforo.

    Este chutney tem uma textura suave e aveludada caracterizada por uma certa

    doçura natural que equilibra outros sabores no prato.

    Ingredientes

    1 a 2 batatas doces médias (finamente raladas)

    2 colheres sopa de urad dall (lentilhas)

    2 a 4 kashmiri chilli (seco inteiro)

    ¼ colher de chá de sementes de fenugrego

    ½ colher de chá de sementes de mostarda

    ½ colher de chá de sementes de cominho

    uma boa pitada de asafétida

    folhas de curry (algumas)

    1 colher de sopa de jaggery (açucar de cana) 

    3 colheres de sopa de côco ralado

    1 colher de sopa de concentrado de tamarindo

    sal a gosto

     

    Modo de preparação

    Lave, descasque e rale a batata doce.

    Numa caçarola ou num wok (sem óleo) toste em lume médio, as lentilhas (urad dall)

    e os chillis. Reserve para esfriarem.

    Excluindo a mostarda, o cominho, a asafétida, folhas de curry e oschillis secos,

    coloque em seguida todos os restantes ingredientes na picadora.

    Obtenha uma pasta macia.

    Adicione um pouco de água a fim de obter uma consistência cremosa.

    Se pretender ajustar a acidez e o sabor doce, este é o momento.

    Coloque o conteúdo numa tigela.

    Preparação do tempero (tarka)

    Aqueça o óleo numa frigideira pequena, frite as sementes de mostarda

    (deixe crepitar).

    Em seguida repita o mesmo processo para as sementes de cominho, a asafétida e,

    apenas no final adicione as folhas de caril e apague o lume.

    Junte este tempero ao chutney.

    Sirva como acompanhamento do seu prato preferido, ou delicie-se apenas com

    chapatis ou arroz.

    Experimente simplesmente barrar no pão ou nas tostas.

     

    Yummy...

     

    Namasté !!

     

    Read More
  • Snack Saudável De Lotus Seed 2017-02-23

    SNACK SAUDÁVEL DE LOTUS SEED 2017-02-23

    Snack Saudável de Lotus Seed

    VEGAN | VEGETARIANO | SEM GLÚTEN

    Phool Makhana, Foxnut são outras denominações usadas para as sementes de lótus,

    conhecidas pelos seus benefícios na nossa saúde.

     

    Esta é uma planta nativa asiática que cresce na água e é cultivada principalmente

    pelas suas sementes comestíveis. Elas são realmente bonitas !

    As sementes de lótus são conhecidas como Makhana na Índia.

    Estas sementes são extremamente benéficas nutricionalmente e consideradas

    um alimento super saudável.

    Makhana, comparativelmente a outros frutos secos como a amêndoas, as nozes,

    o côco e a castanha, contem um teor superior de açúcar, proteínas, ácido ascórbico

    e fenol.

    Uma vez que é considerado um tónico cardíaco, pode também tratar as insónias,

    palpitações e irritabilidade.

    As sementes de Lotus contêm antioxidantes como os flavonóides conhecidos por

    inverter os efeitos adversos de radicais livres no organismo.

    Estas sementes são pobres em gorduras saturadas, sódio e colesterol e são ricas

    em potássio, magnésio e fósforo tornando-se um lanche perfeito para as crianças.

    De acordo com a ayurveda acalma os doshas vata e pitta, os desequilíbrios de ar

    e fogo conhecidos por causarem diversos distúrbios na nossa saúde.

    As sementes Makhana (ou Fox Nuts) podem ser consumidas cruas, cozidas,

    assadas ou fritas. Na Índia, são geralmente assadas adicionando-lhes alguns

    temperos.

    São muito, muito melhor do que as pipocas, dizem !

    Podem ser usadas em pudins e outros doces à base de leite.

    Sendo um perfeito espessante são habitualmente adicionadas no

    Dal Makhani & Curry de Legumes, ou mesmo nos iogurtes e no leite.

     

    Preparação 5 minutos

    Tempo de cozedura 10 minutos

    Serve 2 porções

    Ingredientes

    100 gr de Phool Makhana

    sal e pimenta preta em pó a gosto

    1 pitada de curcuma em pó

    1 colher de chá de ghee

    Modo de assar Phool Makhana

    Numa tigela pequena misture o ghee já derretido, a curcuma em pó, o sal e a pimenta.

    Numa panela funda, asse em lume brando e sem qualquer gordura as sementes de

    lótus. Deixe tostar, este processo deverá levar cerca de 8 a 10 minutos de forma a

    ficarem cozinhadas tanto no exterior como no interior.

    Uma vez bem tostadas adicione o ghee derretido e a pimenta. Asse por mais um

    minuto. Uma vez bem revestidas bem com sal e pimenta, deixe arrefecer

    completamente e conserve num recipiente hermético.

    Sirva este Roasted Phool Makhana como um lanche saudável para as crianças,

    sendo certamente uma alternativa mais saudável do que batatas fritas e

    outros pratos fritos.

    NAMASTÉ

    Read More
  • Muthia ( Dumpligs Indianos ) 2017-02-23

    MUTHIA (DUMPLINGS INDIANOS) 2017-02-23


    Muthia ou Dumplings Indianos é uma RECEITA VEGAN & SEM GLÚTEN

    Muthia é um prato vegetariano do Gujarat. O nome deriva da forma como é feito,

    a partir da acção "agarrar" da mão.

    Este prato vegan é ideal para manter normal o movimento dos intestinos pois inclui

    feno-grego. Esta receita caloricamente baixa inclui legumes ralados misturados com

    farinha e especiarias obtendo uma massa macia e, em seguida é moldada em rolos

    e cozido ao vapor.

    Em seguida as fatias de Muthias são temperadas com diversas sementes para

    apurar-lhe o sabor.

    Muthia é um lanche perfeito, geralmente servido com um CHAI.

    Uma combinação perfeita!!!

     

    Preparação 20 minutos

    Tempo de cozedura 15 minutos

    Serve 2 porções

    Ingredientes

    1 chávena de rabanete ralado (mooli) (ou nabo, se preferir)

    ½ chávena de besan (farinha de grão)

    ½ chávena de jowar (farinha de sorgo)

    2 colheres de sopa de coalhada (dahi) ou yogurte

    3 colheres de sopa de coentro fresco (picado)

    ½ colher de sopa de sumo de limão

    1 colher de chá de óleo de sésamo

    1 colher de chá de pasta de gengibre e alho

    2 chillis verdes (picados) ou 1 colher de chá de chilli em pó

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    1 colher de chá de dhana jeera powder (coentro & cominho em pó)

    1 pitada de bicarbonato de sódio

    2 colheres de sopa de folhas secas de fenugrego

    sal a gosto

    Para o tempero (tadka)

    1 colher de café de sementes de cominho

    1 colher de café de sementes de mostarda castanha

    1 colher de chá de sementes de sésamo

    ¼ de colher de café de asafétida

    algumas folhas de curry

    2 colheres de sopa de óleo de sésamo

    Para decorar

    2 colheres de sopa de coentro fresco (picado)

    Modo de preparação

    Misture todos os ingredientes numa tigela e amasse-os até formar uma pasta macia.

    Divida em 3 ou 4 partes iguais e enrole individualmente cada porção em formas

    cilíndricas com cerca de 12cm de comprimento.

    Para cozer ao vapor, unte o fundo da panela com óleo e, no tabuleiro superior

    coloque os rolos durante 15 a 20 minutos até que fiquem firmes.

    Pode usar uma cesta de bamboo.

    Remova, deixe arrefecer e corte os rolos em fatias de 2,5 cm cada.

    Tempero

    Aqueça o óleo numa panela e adicione as sementes de mostarda.

    Quando começarem a crepitar, adicione as sementes de cominho e as sementes

    de sésamo juntando apenas no final a asafétida e as folhas de caril.

    Adicione esta mistura às fatias de muthia e refogue em lume baixo até que se

    tornem levemente douradas.

    Sirva quentes, decoradas com folhas de coentro e chutney de hortelã

    (pode substituir qualquer vegetal conforme a sua preferência; por exemplo

    use abóbora, courgette, couve lombarda, espinafres, etc)

     NAMASTÉ

     

     

    Read More
  • Sopa DETOX De Espinafre & Moong Dall 2017-02-23

    SOPA DETOX DE ESPINAFRES & MOONG DALL 2017-02-23


    Sopa DETOX de espinafres & Moong Dall

    VEGAN & SEM GLÚTEN

     

    Esta é a estação de VATA.

    Nós todos sabemos como o stress pode prejudicar a nossa vida. Quando começamos

    a sentir-nos fora de controle, a saltar refeições, a acelerar a mente, dificuldades em

    dormir... estes são os primeiros sintomas de desequilíbrio em VATA.

    Assim, este é o momento de acalmar, descansar, desfrutar da Natureza e saborear

    sopas calmantes e suaves. A ayurveda recomenda os seis sabores característicos

    para uma dieta equilibrada.

    Os sabores que aumentam a VATA são adstrigentes, amargos e picantes.

    Os sabores que reduzem ou pacificam a VATA são doces, azedos e salgados.

    É bem sabido que os olhos também comem. A sopa de espinafres & moong dall,

    com a sua cor vibrante e atraente é tão deliciosa quanto apelativa.

    Esta é uma sopa warm soothing, proporciona conforto, é cremosa, moderadamente

    pesada, calmante e nutritiva para o nosso corpo e mente, perfeita para o equilíbrio

    de VATA.

    A combinação de lentilhas e espinafres torna este prato não só rico em proteína,

    mas uma refeição equilibrada e nutritiva.

    Na ayurveda quando comemos de acordo com a constituição do nosso corpo e em

    sintonia com a mudança das estações, o resultado natural é uma desintoxicação

    e perda de peso. E harmonia.

    Serve 2 a 3 pessoas

    Ingredientes

    1 chávena de moong dall cozido

    2 colheres de chá de óleo de sésamo

    1 colher de sopa de pasta de tâmaras 

    2 colheres de sopa de pasta de noz e sementes de abóbora

    1 colher de chá de pasta de gengibre

    2 dentes alho picados

    ½ colher de chá de pimenta preta (triturada)

    1 pitada de flocos de chilli (opcional)

    1 colher de chá de cominhos em pó

    ¼ colher de chá de cardamomo em pó

    ½ colher de chá de pimenta jamaicana em pó 

    1 chávena de espinafre (picado grosseiramente)

    ½ chávena de aipo (picado)

    ½ chávena de alho francês (picado)

    ½ chávena de cenoura (cortada em pedaços)

    ½ colher de chá de sumo de limão

    3 a 4 chávenas de água (pode usar um caldo de legumes)

    sal preto a gosto

     

    Modo de preparação

    Numa panela adicione o óleo e refogue os legumes picados juntamente com todas

    as especiarias. Refogue por 10 minutos, e sinta a sua cozinha perfumada com aromas

    deliciosos.

    Agora junte o espinafre e adicione água à mistura.

    Refogue por mais 5 a 7 minutos.

    No final adicione o moong dall e cozinhe até que tudo esteja bem incorporado.

    Triture com a varinha mágica até ganhar uma consistência cremosa.

    Quando estiver pronto a servir decore com salsa e tomate (alguns pequenos cubos

    de abacate vão bem com esta sopa).

    Durante a temporada de VATA, a ayurveda recomenda comer verduras cozidas em

    moderação e ficar longe de saladas cruas, pois secam o nosso corpo o que

    eventualmente levará à obstipação e inchaço abdominal.

     

    NAMASTÉ

    OM SHANTI

     

    Read More
  • Kichadi De Quinoa 2017-02-23

    KICHADI DE QUINOA 2017-02-23

    Kichadi de quinoa

    VEGAN | SEM GLÚTEN

    Quinoa é um excelente alimento nutritivo, repleto de vitaminas, rico em proteínas

    e com baixo teor de amido. É um super grão sem glúten.

    Kichadi é um prato ayurvédico, tradicionalmente preparado com arroz basmati e

    Moong Dall, perfumado com especiarias. Para um toque mais ocidental, pode

    substituir a quinoa por arroz basmati.

    Este prato equilibra os três doshas: Vata, Pitta e Kapha.

    Benefícios de comer Kichadi:

    Fácil de preparar

    Fácil de digerir

    Rico em nutrientes

    Energético

    Excelente prato detox

    Cozinhado com especiarias proporciona um aroma e sabor deliciosos, despertando

    o fogo digestivo (conhecido na ayurveda como agni).

    Promove a eliminação de toxinas no organismo em todos os tecidos corporais.

    Restaura a energia cansada

    Um prato versátil e confortavelmente saudável

     

    Serve 2 a 3 porções

    Ingredientes principais

    1 chávena de quinoa (demolhada previamente por 3 a 4 horas)

    1 chávena de moong dall (demolhado previamente por 3 a 4 horas)

    2 colheres de sopa de ghee

    1 colher de chá de sementes de mostarda

    1 colher de chá de sementes de cominho

    ½ colher de café de asafétida em pó

    1 colher de café de chiili vermelho em pó

    1 colher de café de curcuma em pó

    ½ colher chá de funcho em pó 

    2 a 3 colheres de sopa coentro fresco (picado)

    1 colher de chá de sumo de limão (espremido na hora)

    2 a 4 chávenas de água

    sal a gosto

     

    Ingredientes para a cobertura

    1 chávena de legumes variados cortados (pimentos coloridos, courgette, cebola,

    abacate e tomate cherry)

    1 colher de café de caril em pó

    1 colher de chá de óleo de côco 

    ½ colher de chá de maple syrup

    1 colher de chá de sumo de limão

    sal a gosto

     Modo de preparação

    Adicione o ghee numa panela, deixe-o aquecer e junte as sementes de mostarda

    para crepitarem. Em seguida junte os cominhos e por fim a asafétida.

    Adicione depois a quinoa e o moongdall, juntando lentamente os temperos em pó

    acima mencionados.

    Refogue por 1 minuto, até que sinta os deliciosos aromas libertarem-se.

    Adicionar a água e cozer por 15 a 20 minutos, fazendo ganhar uma consistência

    espessa e mole.

     Para a cobertura

    Misture todos os ingredientes numa tigela.

    Para apurar estes sabores mantenha os legumes a marinar durante cerca de 30

    minutos. Junte ao kichadi esta cobertura de legumes cheios de aromas e delicie-se

    com este prato de uma nova dimensão de sabor e nutrição.

     DIVIRTA-SE!

    Read More
  • Corn On The Cob With Coconut Sauce - Espigas De Milho Com Molho De Coco 2017-02-23

    ESPIGAS DE MILHO COM MOLHO DE CÔCO 

    Corn on the Cob with Coconut Sauce.

    Espigas de milho com molho de côco.

    Receita vegetariana.

    Este é um prato que promove o conforto nos dias de frio ou de chuva.

    Simples de preparar com especiarias exóticas e com uma textura aveludada,

    pode servir-se como acompanhamento de pratos principais.

    Ingredientes

    2 ou 3 colheres de óleo de côco

    1 colher de chá de sementes de mostarda

    1 colher de chá de sementes de cominho

    ½ colher de café de asafétida em pó

    algumas folhas de curry

    ½ colher de chá de garam masala

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    1 colher de sopa de dhana jeera em pó

    1 colher de chá de flocos de chilli vermelho

    2 pimentões verdes (esmagados)

    2 dentes de alho (picados finamente)

    1 colher de chá de pasta de gengibre

    25 gr de amendoim sem pele

    25 gr de castanhas de cajú moídas em pasta

    1 lata de leite de côco

    1 limão (em sumo)

    4 unidades de milho em espiga (divididos em 3 ou 4 pedaços)

    1 punhado de folhas de coentro fresco (para decorar)

    sal a gosto

    Modo de preparação

    Aqueça o óleo numa panela grande e quando estiver quente frite as sementes

    de mostarda até que abram.

    Em seguida frite as sementes de cominho, adicione a asafétida e as folhas de curry.

    Junte a cebola até que fique translúcida e junte o alho, o gengibre, as especiarias,

    a pasta de cajú, o amendoim e o leite de côco.

    Por fim adicione as espigas de milho e coza durante 20 minutos ou até o milho

    esteja cozido.

    Se precisar adicione um pouco de água.

    Por fim adicione o sumo de limão, os coentros frescos picados e os flocos de chilli.

    Para complementar sirva com arroz basmati.

    Namasté

    Read More
  • Bebida Refrescante & Calmante De Sementes De Funcho 2017-02-23

    BEBIDA REFRESCANTE & CALMANTE DE SEMENTES DE FUNCHO 


    Bebida Refrescante & Calmante de Sementes de Funcho

    Uma bebida saudável para combater o calor de verão.

    As sementes de funcho são das ervas mais aromáticas e saborosas com diversos usos

    culinários e medicinais. São usadas como um tónico digestivo, um laxante suave e,

    sendo um diurético ajuda eliminar as toxinas do nosso corpo.

    Assim, as sementes de funcho são ótimos digestivos e possuem a característica de

    arrefecimento no corpo de acordo com a ayurveda, especialmente recomendado

    para as pessoas que têm PITTA elevado.

    O funcho contém uma variedade de antioxidantes, vitaminas, minerais e fibras

    dietéticas e são uma excelente fonte de vitaminas B3 e C, potássio, magnésio,

    manganês e ferro.

    Tempo de preparação 10 minutos

    Serve 2 pessoas

    Ingredientes

    funcho am pó

    cristais de açucar 

    Modo de preparação

    Misture o funcho em pó e cristais de açucar em 2 chávenas de água por

    2 horas no mínimo

    (ou durante a noite, preferencialmente).

    Coe o líquido e adicione o açúcar. Misture bem.

    Despeje em copos altos, adicione alguns cubos de gelo e sirva.

    Sinta-se refrescar!

    Namasté

     

    Read More
  • Gulab Jamun 2017-02-23

    GULAB JAMUN 2017-02-23


    GULAB JAMUN

    Quem não gosta de Gulab Jamuns?

    Qualquer poderá ser um grande fã desta sobremesa absolutamente deliciosa!

    Esta é uma rica sobremesa indiana, muito especial, preparada para dias festivos

    e em todas as ocasiões especiais.

    Os bolinhos de massa são preparados com lacticínios sólidos, tais como o queijo

    cottage ou Khoya, ou até leite em pó e farinha. Em seguida é frito em ghee e

    mergulhado na calda de açúcar (golden syrup) com cardamomo e água de rosas.

    Assim, as bolas tornam-se extremamente macias, fofas e suculentas.

    Cada dentada desta deliciosa sobremesa é um sabor divinal !!

    São servidas quentes ou frias.

    Numa versão mais moderna são servidas com chantilly ou gelado de baunilha.

    Tempo de Preparação 15 minutos (mais 1 hora de marinada)

     Serve 8 a 10 unidades

     Ingredientes

    100 gr de leite em pó

    50 gr de farinha de araruta 

    1 colher de sopa de ghee

    ¼ de colher de chá de bicarbonato de sódio

    80 ml de leite

    Para a calda

    100 gr de açúcar

    150 ml de água

    ½ colher de chá de cardamomo em pó

    Alguns filamentos de saffron 

    ¼ de colher de café de essência de rosa

    ghee (para fritar)

    Modo de preparação

    Numa tigela peneire o leite em pó, a araruta e o bicarbonato de sódio.

    Adicionar o ghee e misturar bem.

    Adicione o leite aos poucos e envolva até formar uma massa pegajosa e macia.

    Divida em porções pequenas e enrole entre as palmas das mãos para formarbolas.

    Coloque o açúcar juntamente com os 200 ml de água numa panela, adicione-lhes

    o cardamomo e coloque em lume brando. Mexa bem até que o açúcar se dissolva

    e a calda engrosse ligeiramente. Este processo pode levar de 5 a 7 minutos.

    Em seguida, retire do lume e adicione a essência de rosas e os filamentos de

    saffron. Reserve.

    Coloque o ghee uma frigideira em lume médio para fritar as bolas.

    As bolas irão submergir até o fundo e, em seguida sobem levemente.

    Lentamente, vire cuidadosamente cada bola com uma escumadeira, em intervalos

    frequentes para se certificar de que as bolas adquirem um tom castanho uniforme.

    Retire-as para um prato com papel absorvente de modo a remover o excesso de

    ghee.

    Após arrefecerem cubra com o xarope de açúcar e reserve por uma hora.

     Sirva !!

     

    Read More
  • Moong Dall Pancakes 2017-02-23

    MOONG DALL PANCAKES 2017-02-23

    Moong Dall Pancakes

    VEGAN | SEM GLÚTEN

    É uma excelente forma de adicionar proteínas saudáveis à sua dieta.

    Estas panquecas de encher o olho têm alto teor de fibra e hidratos de carbono

    complexos, ajudando a regular o nível de açúcar no sangue.

    Moongdall cheela (panquecas) são habitualmente servidas como pequeno almoço

    ou como uma refeição ligeira.

    Ingredientes

    1 chávena de moong dall com casca (embebido em água durante a noite)

    1 colher de café de pasta de gengibre & alho

    ½ colher de café de curcuma em pó

    1 colher de café de dhana jeera em pó

    ½ colher de sementes de ajwain

    ¼ colher de asafétida em pó

    1 a 2 chilli verde picado (ou conforme preferir)

    sal a gosto

    óleo para fritar ou azeite em spray 

    Modo de preparação

    Adicione a todos os ingredientes acima os grãos escorridos e leve a moer na sua

    processadora até obter uma massa com uma textura espessa e macia.

    Pode adicionar um pouco água, para ajustar a consistência, uma vez que a massa

    não deve ser muito fina ou muito grossa.

    Deixe repousar 15 a 20 minutos.

    Leve ao lume uma frigideira anti-aderente e junte o óleo ou azeite em spray.

    Com uma concha verta a massa no tamanho desejado.

    Coloque um pouco de óleo também nas laterais e no topo da panqueca e cozinhe

    até que ambos os lados estejam dourados.

    Sirva com chutney verde de coentros ou com chutney de tamarindo

    e yogurte natural.

    DESFRUTE !

    Read More
  • Receita Caseira De Doodh Peda (Milk Peda) 2017-02-23

    RECEITA CASEIRA DE DOODH PEDA (MILK PEDA) 2017-02-23


    Dooth Peda é um doce indiano fácil de fazer com leite condensado, leite em pó

    aromatizado com cardamomo e pistachios. A receita tradicional requer condensar o

    leite de forma caseira, mas esta receita de Dooth Peda facilita o processo utilizando

    leite condensado pronto.

    É um doce clássico, delicioso com uma textura suave e sedosa... quase que derrete

    na boca. Umhhh !!!


    Ingredientes

    2 chávenas de leite em pó

    400 gr de leite condensado

    ½ colher de chá de cardamomo em pó

    ¼ chávena de ghee (derretido)

    alguns pistachios cortados

     

    Modo de preparação

    Leve ao lume uma caçarola larga anti-aderente, adicione o leite condensado, o

    leite em pó, o ghee e o cardamomo em pó mexendo continuamente até formar

    uma pasta grossa, lisa e sem grumos.

    Desligue o lume assim que a mistura se torne espessa e sem agarrar aos lados da

    panela. A consistência irá engrossar ainda mais quando estiver a arrefecer.

    Uma vez arrefecida, amasse-a até ficar lisa e fofa.

    Se preferir pode adicionar um pouco de ghee para facilitar este processo.

    Divida a massa em bolas no tamanho de um pequeno limão (5 cm de diâmetro).

    No centro do bolinho faça pressão com o polegar e coloque-lhe um pistachio.

     NAMASTÉ

     

     

    Read More
  • BARFI - Besan Ki Burfi ( Fudge De Farinha De Grão ) 2017-02-23

    BARFI - BESAN KI BURFI (FUDGE DE FARINHA DE GRÃO) 2017-02-23


    BARFI

     

    Barfi é um doce pasteleiro do subcontinente indiano e extremamente saboroso.

    Algumas das famosas variedades de barfi incluem Besan Barfi

     (feito com farinha de grão), sendo que é a versão original.

    Descubra aqui esta receita fácil de fazer.

    Besan Ki Burfi (Fudge de farinha de grão)

     

    Ingredientes

    2 chávenas de (besan) farinha de grão

    2 chávenas de côco ralado

    3 chávenas de açúcar demerara

    1 chávena de ghee (manteiga indiana)

    1 chávena de água

    12 a 15 amêndoas laminadas

    15 a 20 pistachios laminados

    1 colher de chá de cardamomo em pó

    6 a 8 filamentos de saffron

     

    Modo de preparação

    Numa panela aqueça o ghee e gradualmente adicione o besan, mexendo

    delicadamente.

    Mexendo sempre em lume brando até dourar, retire e reserve.

    Numa outra panela ferva em lume brando o açúcar e a água, até que o açúcar se

    dissolva.

    Aumente o lume e continue a cozinhar até obter um xarope espesso.

    Adicione o côco ralado e o besan.

    Mexa bem até ver que a mistura se solidifica e começa a desapegar-se dos lados

    da panela.

    Retire do lume, adicione o cardamomo, as amêndoas, os pistachios e o saffron.

    Misture bem.

    Coloque num prato ou tabuleiro untado com ghee e deixe esfriar.

    Corte em quadrados de 3 cm.

    Arrefeça-os completamente antes de servir.

    Para manter a consistência guarde-os num recipiente hermético.

     DESFRUTE !

     

    Read More
  • Dokla - Prato Vegetariano Sem Glúten 2017-02-23

    DOKLA | PRATO VEGETARIANO SEM GLÚTEN 2017-02-23


    A Dokla é um prato vegetariano sem glúten cozido no vapor, originário da região

    do Gujarat, embora sua popularidade já se tenha difundido por toda a Índia.

    A base para a dhokla consiste em arroz e grão de bico, ou farinha de grão

    (conhecida como besan), e a massa é preparada com yogurte.

    Todos estes ingredientes são primeiro embebidos durante várias horas, geralmente

    durante a noite.

    Após a fermentação são adicionadas as especiarias: o gengibre e o chilli em pasta

    à massa. Vai a cozer durante 10 minutos. Em seguida, é cortada em pequenos

    quadrados.

    Pode ser deliciado no café da manha, como um prato principal ou como um lanche.

    É delicioso e nutritivo com um característico sabor ligeiramente ácido,

    derivado da sua fermentação. Tem uma textura final esponjosa e fofa.

    É um prato leve com poucas calorias.

    Tempo de preparação (fermentação de 24 horas)

    Tempo de cozedura 10 minutos

    Serve 6

    Ingredientes

    500 gr de farinha de dokla  ou semolina

     (mistura de farinha de arroz & lentilhas de grão)

    1 ½ chávena de yogurte natural

    1 colher de chá de gengibre em pasta

    1 colher de chá de chilli verde em pasta (adicione conforme prefira mais ou

    menos picante)

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    1 colher de chá de sumo de limão

    2 colheres de café de sal de fruta (ENO) ou bicarbonato de sódio

    sal a gosto

    Para o tempero

    2 colheres de sopa de óleo de colza  ou amendoim ou girassol

    1 colher de chá de sementes de mostarda preta

    1 colher de chá de sementes de sésamo

    1 pitada de asafétida

    6 a 8 folhas de curry

    Para decorar

    ½ chávena de coentros frescos (finamente picados)

    côco ralado para decorar

     

    Modo de preparação (fermentação)

    Adicione à pasta de gengibre, o chilli, a curcuma, o sal, o yogurte, o sumo de

    limão e água quente suficiente para atingir uma massa de consistência lisa e

    espessa, sem grumos.

    Misture bem.

    Deixar fermentar durante a noite.

    Modo de preparação

    Divida a massa em 3 partes iguais.

    Prepare a cesta de bamboo ou uma panela de cozer ao vapor, conforme preferir.

    Divida os sais de frutas em 3 medidas iguais e adicione uma porção a cada parte

    da massa. Misture bem.

    Coloque a massa num tabuleiro ou numa travessa de inox untada com óleo e

    coza ao vapor.

    Cozinhe por 10 a 12 minutos em lume médio.

    Repita o mesmo processo com as restantes porções, lembrando de acrescentar

    os sais de frutas para cada parte de massa apenas antes de cozinhar.

    Para o tempero

    Aqueça o óleo numa panela e refogue as sementes de mostarda, as sementes de

    sésamo, uma pitada de asafétida e as folhas de caril. Desligue o lume.

    Verta o tempero no dhokla preparado e permita que esfrie um pouco antes de

    cortá-la nas formas desejadas.

    Decore com folhas de coentro e côco ralado e sirva com chutney de tamarindo

    ou chutney de hortelã.

    NAMASTÉ

     

     

    Read More
  • Chappatis ( Rottis ) De Farinha De SORGO ( Sem Glúten ) 2017-02-23

    CHAPPATIS (ROTTIS) DE FARINHA DE SORGO (SEM GLÚTEN) 2017-02-23

    Chappatis (rottis) de farinha de SORGO (sem glúten)

    A farinha de sorgo é uma potência nutritiva extremamente saborosa e sem glúten.

    O sorgo é rico em proteína, ferro, fibras alimentares e antioxidantes que suportam

    a saúde cardíaca.

    Além disso, o amido e a proteína do sorgo demoram mais tempo a digerir,

    comparativamente a outras farinhas similares e o seu índice glicémico está

    entre os mais baixos de todos os grãos alimentares.

     Serve 15 rottis

    Ingredientes

    2 chávenas de farinha de sorgo

    2 chávenas de água

    sal

     

    Modo de Preparação

    Coloque água numa panela, adicione o sal e deixe ferver.

    Reduza o lume, adicione a farinha sem misturar e deixe cozinhar por 1 a 2 minutos.

    Desligue o fogo e, agora sim, misture a farinha com uma colher até que veja

    absorvida toda a água.

    Reserve e permita que a farinha arrefeça o suficiente para ser manuseada

    confortavelmente.

    Coloque a massa numa superfície lisa e amasse com as mãos até ficar macia e

    suave (cerca de 3 a 5 minutos).

    De seguida, cubra a farinha com um pano húmido e deixe descansar por cerca

    de 10 minutos.

    Divida a massa em 15 porções. Se a massa estiver pegajosa, humedeça as

    mãos com água antes de começar a formar a massa em bolas.

    Alise cada bola e amasse numa forma de disco com a espessura que deseja.

    Peneire muito levemente com um pouco de farinha nesta fase.

    Aqueça uma tawa (frigideira) de ferro ou frigideira anti-aderente.

    Quando estiver quente reduza para lume brando.

    Delicadamente coloque um chappati sobre a frigideira. Pincele com água por cima.

    Quando o rotti lhe parecer cozido e começar a mostrar manchas acastanhadas,

    vire-o de modo a cozinhar também do outro lado.

    Use um pano dobrado para pressionar o rotti em intervalos curtos de tempo,

    isto garante que os rottis incham como uma bola e que estejam bem cozidos no final.

    Pode também usar uma espátula se achar mais conveniente.

    Uma vez que ambos os lados estão devidamente cozidos, retire e reserve.

    Repita o procedimento com as restantes bolas de massa.

    Pode barrar a parte superior de cada rotti com manteiga (ghee).

    Sirva com dall, caril, pickles ou com uma salada simples.

     NAMASTÉ

     

    Read More
  • Bombas Energéticas Com Sabor Total De CÔCO 2017-02-23

    BOMBAS ENERGÉTICAS COM TODO O SABOR DO CÔCO 2017-02-23

    SEM GLÚTEN

     

    Inclua este lanche energético na sua dieta, após o exercício ou longas caminhadas.

    Estas bombas de energia são deliciosas com todo o sabor do côco.

    Contém óleo de côco, creme de côco concentrado e flocos de côco!

    É adoçado com açúcar de côco e polvilhado com sementes de chia.

     Serve 15 a 20 unidades

    Tempo de preparação 15 a 20 minutos

    Ingredientes

    ½ chávena de água

    3 colheres de sopa de sementes de chia

    ¾ de chávena de creme de côco concentrado

    ½ chávena de açucar de côco 

    ½ chávena de óleo de côco

    3 chávenas de flocos de côco

    1 colher de café de baunilha em pasta 

    cacau em pó (opcional)

     Modo de preparação

    Demolhe as sementes de chia por 10 minutos.

    Em lume brando, aqueça o creme de côco concentrado até ficar com um

    aspecto homogéneo e, em seguida retire do lume. Junte o açúcar de côco e o óleo

    de côco. Misture bem.

    Adicione a esta mistura cremosa, a baunilha, os flocos de côco e as sementesde chia.

    Adicione o cacau em pó.

    Misturar perfeitamente. Conforme preferir, use uma batedeira ou as mãos.

    Formar em bolas de tamanho médio, e se preferir use o cacau em pó para ajudar

    a enrolar.

    Sirva imediatamente ou guarde para mais tarde e desfrutar após o treino.

     NAMASTÉ

    Read More
  • Masala Chai 2017-02-23

    MASALA CHAI 2017-02-23


    MASALA CHAI

    Comemore a época natalícia com uma chávena do delicioso Masala Chai, com

    as tonalidades e aromas da canela, do cravinho, do gengibre, do cardamomo e

    da pimenta preta. É a bebida perfeita para aquecer após um dia de diversão de

    inverno ou em frente à lareira com os entes queridos. Adoçado com açúcar é

    perfeito para ser servido após uma refeição deliciosa.

    Benefícios deste chá preto

    • Tem sido demonstrado em estudos que reduz a pressão arterial, a glicose 

    • no sangue e melhora a circulação nos vasos sanguíneos.

    • Tem um efeito delicadamente estimulante.

    • Facilita a respiração.

    • Ajuda nas dores de cabeça, particularmente aquelas causadas por tensões.

    • Rico em antioxidantes, ajudando a proteger o corpo contra os efeitos

    • nocivos dos radicais livres.

    • As especiarias características desta bebida proporcionam um sabor quente, 

    • aromático e refrescante. Durante séculos, as especiarias utilizadas nesta 

    • mistura tradicional têm sido usados para ajudar na digestão.

    • Promove a calma, clareza e vitalidade.

    • O gengibre quente auxilia na digestão e melhora a circulação.

    • O cardamomo é conhecido por revitalizar o humor, facilitar a digestão e 

    • auxiliar na respiração.

    • A canela melhora a circulação e reduz a fadiga.

    • A pimenta possui o cariz de ajudar na absorção de nutrientes.

    • O cravinho aquece e alivia a dor.

    • A noz-moscada facilita a digestão.

     

    Serve 3 a 4 chávenas

    Ingredientes

    3 chávenas de água mineralizada

    1 chávena de leite

    1 ½ de sopa de chá preto em folhas ou 3 saquetas de chá preto

    1 colher de chá de mistura de chai masala

    açúcar a gosto

     

    Modo de preparação

    Numa caçarola média coloque a água, adicione o chá em folhas ou em saquetas,

    o chai masala e deixe ferver.

    Adicione o leite. Continue a ferver todos os ingredientes até obter uma cor de

    caramelo, ou por cerca de 3 a 4 minutos,

    Coe para um bule ou directamente nas chávenas de chá.

    Sirva quente, adoçe com açúcar ou com outro adoçante da sua preferência.

     

    Divirta-se!

    Read More
  • Almond Halwa ( Pudim De Amêndoas ) 2017-02-23

    ALMOND HALWA (PUDIM DE AMÊNDOAS) 2017-02-23

    Almond Halwa (pudim de amêndoas)

    Uma rica sobremesa nos dias frios.

    As amêndoas, dizem que possuem as qualidades de serem vrishya (afrodisíaco),

    bhringan (proporciona estabilidade dos tecidos corporais), balya (ajuda na imunidade

    do organismo) e ruchikar (deliciosas).

    As amêndoas ajudam na formação de novas células do sangue, na hemoglobina e

    desempenham um papel importante na manutenção das funções fisiológicas do

    cérebro,

    dos nervos, dos ossos, do coração e do fígado. Portanto, são altamente benéficas

    para a preservação da vitalidade do cérebro, no fortalecimento dos músculos e no

    prolongamento da vida. É uma boa fonte de proteína e gordura.

    São conhecidas por diminuir o colesterol, sendo amigas do coração.

    São uma fonte rica em vitamina E, manganês, cálcio, fósforo, ferro e magnésio.

    Contêm zinco, riboflavina (vitamina B2) e niacina (vitamina V3).

    Propriedades ayurvedicas das amêndoas

    Sabor Madhur (doce)

    Qualidade Guru (pesado), snigdh (oleoso)

    Potência Ushna (quente)

    Efeito pós-digestivo Ushna (quente)

    Análise nos Doshas

    As amêndoas pacificam vata e kapha. Tem tendência para aumentar o pitta.

    Pessoas com kapha e aquelas com menor capacidade digestiva, deverão ingerir

    menor quantidade, uma vez que esta halwa de amêndoas é de digestão demorada.

    Badam Halwa é uma receita muito simples, fácil e rápida de fazer.

    Além de deliciosa é uma boa forma de garantir que todos os membros da sua

    família irão beneficiar dos bons nutrientes das amêndoas.

    Ingredientes

    1 chávena de amêndoas moídas (ou farinha de amêndoa)

    1 chávena de leite

    3 colheres de sopa de ghee

    de colher de sopa de açúcar demerara

    8 a 10 filamentos de saffron 

    ½ colher de chá de cardamomo em pó 

    Modo de preparação

    Aqueça o ghee numa panela em lume médio.

    Uma vez quente, adicione a farinha de amêndoas, e mexendo continuamente cozinhe

    durante alguns minutos. Adicione o leite e o açúcar.

    Mantenha a cozinhar até que veja o leite ou a humidade evaporar-se, a começar a

    desapegar-se das paredes laterais da panela e o ghee começar a escorrer.

    Esta fase levará cerca de 10 minutos. Adicione o saffron em filamentos e o

    cardamomo em pó.

    Misture bem. Desligue o lume.

    Pode decorar com algumas castanhas de cajú tostadas, se preferir.

     NAMASTÉ

    Read More
  • Rava Uttapam ( Panquecas De Semolina ) 2017-02-23

    RAVA UTTAPAM (PANQUECAS DE SEMOLINA) 2017-02-23

    Rava Uttapam (panquecas de semolina)

    Rava Uttapam é um prato muito popular do Sul da Índia. As uttapams são

    panquecas espessas, feitas com massa fermentada e segundo a tradição contêm

    cebola, tomate e chilli verde. As uttapams são servidas com acompanhamentos

    típicos do Sul da Índia, tais como sambar (sopa de lentilhas), chutney de côco,

    ou tomate ou cebola.

    De acordo com o seu apetite, pode servi-las simplesmente ao pequeno almoço

    ou num lanche simples.

    Tem proteínas, vitaminas, carbohidratos, ferro e tantos outros nutrientes que o

    nosso corpo necessita. Este é um prato com baixo teor de gordura. Uttapam é

    muitas vezes considerada como uma pizza indiana. É um prato versátil e fácil de

    preparar.

    A grande vantagem é que pode adicionar uma variedade de legumes picados,

    tais como os cogumelos, feijão verde, cenoura, azeitonas, espinafres, e afins.

    As cores vibrantes desta delícia além de a tornarem apelativa garantem também

    que seja muito saborosa.

     

    Serve 8 unidades

    Ingredientes

    1 chávena de semolina fina

    ½ chávena de iogurte natural

    ½ chávena de água

    ¼ de colher de chá de Eno (ou alka seltzer)

    1 tomate médio (picado)

    1 cebola média (picada)

    2 chillis verdes (picados, sendo opcional)

    ½ pimento verde pequeno (picado)

    1 colher de sopa de coentros frescos (picados)

    sal a gosto

    óleo

    Modo de preparação

    Numa tigela junte a semolina, o sal, o iogurte e alguma água. Misture bem.

    Deixe repousar a massa por 15 minutos.

    A semolina irá absorver a água, verifique assim a consistência da massa e ajuste

    a quantidade de água se necessário.

    Adicione os legumes picados na massa, misture bem e em seguida junte os sais

    de fruta.

    Aqueça uma frigideira (tawa) em lume médio-alto, sem gordura. Junte uma

    concha cheia com massa e coloque-a no centro da frigideira. Espalhe em círculo

    até conseguir cerca de 10cm de diâmetro.

    Adicione umas pingas de óleo e cozinhe de ambos os lados até que fiquem douradas

    e com manchinhas avermelhadas.

    Sirva com chutneys.

    Namasté



     

    Read More
  • Salmão Com Molho De Mostarda Bengali 2017-02-23

    SALMÃO COM MOLHO DE MOSTARDA BENGALI 


    Salmão com molho de mostarda Bengali

    Tempo de preparação 30 a 45 minutos (marinada)

    Serve 2 pessoas

    Ingredientes

    4 filetes de salmão (sem pele)

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    ½ colher de chá de chilli em pó

    1 colher de sopa de mostarda em pó 

    2 colheres de sopa azeite extra virgem

    ¼ de colher de sopa de sementes de mostarda

    ¼ de colher de sopa de sementes de cominho

    2 chillis verdes (divididos ao meio, sendo opcional)

    sal a gosto

    Modo de preparação

    Corte o salmão em pedaços com cerca de 2,5 x 5cm. Faça uma mistura com metade

    da curcuma em pó, do chilli em pó, do sal e sele-a uniformemente em toda a

    superfície de cada pedaço do salmão.

    Leve ao frigorífico para marinar.

    Coloque a mostarda em pó numa tigela pequena e junte a restante curcuma, o

    chilli em pó e sal. Adicione cerca de 6 colheres de sopa de água e misture bem

    até formar uma pasta. Reserve.

    Coloque o azeite numa frigideira em lume médio-alto, e logo que esteja bem quente

    adicione as sementes de mostarda.

    Em questão de segundos, as sementes começarão a abrir e aqui, junte-lhes as

    sementes de cominho e de funcho. Sinta os aromas libertarem-se. Mexa uma vez

    e junte-lhes imediatamente a pasta de mostarda.

    Adicione o chilli verde e cerca de ½ chávena de água e leve a ferver em lume brando.

    Aqui, adicione o salmão marinado, coza por 5 a 8 minutos ou até estar cozido.

    Vá virando os pedaços e regando delicadamente com o molho.

    Este prato tradicionalmente indiano pode ser servido com arroz basmati simples,

    com dall (lentilhas) ou com legumes.

     NAMASTÉ

    Read More
  • Camarão Temperadas Com Especiarias Indianas 2017-02-23

    CAMARÃO TEMPERADO COM ESPECIARIAS INDIANAS 

    Camarão Temperado com Especiarias Indianas

    As receitas indianas são caracterizadas habitualmente por sabores assertivos como o

    gengibre, a cebola, o alho e por especiarias subtis como o cravinho, a canela, o

    cardamomo, macis (casca de noz moscada), a pimenta preta, o fenugrego, o

    cominho, o louro, para mencionar alguns.

    Embora a lista de especiarias e técnicas utilizadas para preparar algumas receitas

    indianas possam parecer intimidantes, na verdade fornecem-nos camadas de

    sabores irresistíveis em questão de minutos. Estas receitas de comida indiana são

    muito mais fáceis de fazer do que podemos imaginar.

    Desperte para um paladar repleto de sabores divinais.

    A magia deste prato está, assim, nas especiarias moídas dando vida a um sabor

    e aromas fantásticos mesmo antes de começar a cozinhar.

     Serve 3 a 4 pessoas

    Tempo de preparação 15 minutos

    Tempo total 45 minutos (incluido os 30 minutos da marinada)

    Ingredientes

    1 colher de sopa de lentilhas de grão

    1 colher de sopa de sementes de coentro

    1 colher de chá de sementes de cominho

    ¼ de colher de chá de pimenta preta em grão

    1 a 2 chillis secos

    1 colher de sopa de pasta de tamarindo

    600 gr de camarão descascado (ou conforme o tamanho, 16 a 18 unidades)

    1 colher de sopa de girassol

    1 colher de chá de sementes de mostarda castanha ou amarela

    ¼ de chávena de challota (picada)

    2 colheres de sopa de coentros frescos (picados)

    sal a gosto

    Modo de preparação

    Tostar as lentilhas e as especiarias numa frigideira grande em lume médio.

    Mexa de vez em quando até que as lentilhas comecem a mudar de cor e as

    especiarias libertem os seus aromas. Cautela para não queimar.

    Transfira para um prato e deixe arrefecer cerca de 5 a 6 minutos.

    Num moinho triture-as ou reduza-as a pó no almofariz.

    Misture numa tigela média os coentros frescos picados, a pasta de tamarindo, o sal,

    as especiarias moídas. Junte o camarão e envolva-os na mistura para marinarem.

    Cubra e leve ao frigorífico por 30 minutos (não deixe marinar por mais de 2 horas

    porque a acidez do tamarindo irá afetar na textura de camarão).

    Aqueça óleo numa panela em lume médio-alto e adicione as sementes de mostarda.

    Quando pararem de crepitar adicione a cebola e o camarão marinado.

    Cozinhe por 5 a 7 minutos, e caso seja necessário para manter uma textura

    cremosa, junte-lhes um pouco de água. Sirva imediatamente com

    arroz basmati integral e salada.

    DESFRUTE !

    Read More
  • Dal Makhani 2017-02-23

    DAL MAKHANI 


    Dal Makhani é uma iguaria do Punjab rica em proteínas e fibras.

    Tradicionalmente o feijão preto urad e o feijão kidney são embebidos durante a noite

    ou aproximadamente por 8 horas sendo delicadamente cozidos em lume brando

    juntamente com o gengibre, o alho e garam masala. Em seguida são cozinhados

    com uma base de masalas que incluem cebola, tomates, manga seca em pó

    (amchoor powder). Para um toque final adicionamos as natas. O dal makhani é um

    prato incrível da culinária Punjab. Tem uma textura aveludada e cremosa que

    realça o sabor deste prato.

    O dal makhani é hoje universalmente reconhecido como um dos pratos essenciais

    indianos expandido-se aos restaurantes internacionais.

    A sua popularidade deve-se à versatilidade dos seus sabores ricos, sendo um

    prato vegetariano e que pode ser servido como uma refeição principal.

    Ingredientes

    1 chávena de urad (feijão preto)

    de chávena de feijão kidney 

    1 colher de chá de pasta de gengibre & alho 

    1 colher de café de curcuma em pó

    1 colher de chá de kashmiri chilli em pó (ajuste conforme preferência)

    3 colheres de sopa de ghee

    1 colher de café de sementes de cominho

    ½ colher de café de asafétida em pó

    1 colher de café de garam masala

    ½ colher de sopa de amchoor powder

    1 cebola média (finamente picada)

    2 ou 3 tomates médios (finamente picados)

    ½ chávena de natas

    algumas folhas de coentro fresco (picadas, para decorar)

    sal a gosto

     Modo de preparação

    Lave os feijões e deixe a demolhar durante a noite.

    Cozinhe-os com água, sal, garam masala, gengibre e alho até ficarem macios

    (cerca de 40 a 50 minutos aproximadamente) ou na panela de pressão por 12 a 15

    minutos.

    Para o tempero

    Aqueça o ghee numa panela funda. Frite as sementes de cominho, a asafétida,

    a pasta de gengibre & alho, a cebola e o tomate. Tempere com as restantes masalas

    e deixe cozinhar até formar uma pasta.

    Adicione os feijões e o garam masala. Adicione-lhes um pouco de água se a

    consistência estiver demasiada espessa. Adicione metade das natas e cozinhe por

    mais 5 minutos. Desligue o lume. Decore com as restantes natas e coentro fresco

    picado.

    Sirva com nan, chappatis ou arroz basmati.

    NAMASTÉ

     

    Read More
  • Aveia Com Limão - Um Pequeno Almoço Saudavel & Energético 2017-02-23

    AVEIA COM LIMÃO - UM PEQUENO ALMOÇO SAUDÁVEL & ENERGÉTICO 2017-02-23

    PEQUENO ALMOÇO SAUDÁVEL & ENERGÉTICO

    Aveia com limão e fantásticas especiarias, a forma mais saudável para

    começar o seu dia.

    Versátil e extremamente saudável a aveia é considerada a melhor maneira de

    quebrar o seu jejum matinal.

    Esta é uma versão saudável e vibrante de preparar aveia, com o aroma do

    limão e os benefícios das especiarias tornando este prato não só fácil de fazer

    mas também extremamente saboroso.

    Juntando especiarias indianas como a curcuma, o fenugrego, a mostarda e as

    folhas de caril faz desta receita um pequeno almoço perfeito e saciante.

    Modo de preparação

    Para preparar este delicioso pequeno almoço, você só precisa de aquecer

    2 colheres de ghee numa panela, deixar crepitar as sementes de mostarda e

    em seguida juntar as sementes de fenugrego, folhas de caril, o amendoim e

    no final o pimentão verde.

    Adicione ½ colher de chá de curcuma, sumo de ½ limão e água deixando ferver.

    Finalmente, coloque a aveia tostada, misture bem e em seguida, cozinhe em

    lume brando por apenas 3 minutos.

    O delicioso & saudável pequeno almoço está pronto!

    Os limões são ricos em muitos nutrientes, como a vitamina C, a pectina, os

    flavonóides antioxidantes e vitaminas do complexo B, potássio, cálcio fazendo

    assim uma combinação maravilhosa com a aveia e suas propriedades digestivas.

    A curcuma é também um ingrediente altamente benéfico para a saúde neste prato

    delicioso.

    Vai sentir-se rejuvenescido e revitalizado durante todo o dia.

    Este poderoso pequeno almoço ayurvédico é pobre em calorias ideal para

    acrescentar à sua dieta de manutenção do peso.

    Este tempero quase não tem calorias (1 colher de sopa = 24 calorias) nem

    colesterol.

    É rico em fibras dietéticas, ferro, potássio, magnésio e vitamina B6.

    O fenugrego é usado para problemas digestivos tais como dor de estômago,

    prisão de ventre e inflamação do estômago (gastrite).

    É um tónico cardíaco uma vez que trata o "endurecimento das artérias "

    (arteriosclerose) e reduz certas gorduras no nível no sangue, incluindo o

    colesterol e triglicéridos.

    A mostarda ajuda a reduzir a obstipação e pode aliviar os sintomas hemorroidais

    e consequentes fissuras. Protege assim o nosso sistema digestivo do cancro

    gastrointestinal. Também reduz o colesterol, alivia a dor reumática, da artrite e

    dos músculos.

    Entre outros benefícios, ajuda a retardar o envelhecimento e a reduzir problemas

    respiratórios como a asma.

    As conhecidas folhas de carilo uma fonte rica em ferro e ácido fólico.

    Hematoprotector, fortalece o estômago, favorece a digestão, protege o fígado de

    danos e mantém sob controlo os níveis de açúcar no sangue combatendo assim

    a diabetes.

    Vantangens & Beneficios deste poderoso pequeno almoço:

     

    1 - Ajuda na perda de peso : A pectina, uma fibra alimentar contida na aveia é

    um tipo de fibra solúvel encontrada em limões que pode ajudar a sentir saciedade

    e comer menos entre as refeições. Assim, ajuda na perda de peso.

     2 - Bom para a digestão : Aveia com limão é muito rica em fibras e em ácidos

    que auxiliam na digestão fácil evitando a prisão de ventre.

     3 – Um tónico para manter o coração saudável: A grande quantidade de

    antioxidantes e fibras previnem os radicais livres de atacarem o bom colesterol,

    o que também ajuda a reduzir o risco de doença cardiovascular.

     4 - Ajuda a manter os níveis de colesterol : A substância na aveia conhecida por

    beta-glucana, reduz significativamente o mau colesterol no nosso corpo.

     5 - Mantém o nível de açúcar no sangue : A aveia contém elevadas quantidades

    de magnésio que ensinam o organismo a usar corretamente a glicose e a

    secreção de insulina.

     6 - Combate o cancro : O alto teor de fibra na aveia é um anti-cancerígeno

    eficaz, especialmente para o cancro do cólon.

     7 - Reduz hipertensão : Rica em fibras solúveis, a aveia pode reduzir a

    hipertensão ou a pressão arterial elevada.

     8 – Promove a imunidade : O beta glúten contido neste super alimento também

    pode fortalecer o seu sistema imunológico combatendo melhor qualquer infecção

    bacteriana, ajudando as células neutrófilas a localizar e curar os tecidos

    infectados rapidamente.

     9 – Fonte de energia : A dieta rica em proteína é saciante e fornece energia

    para manter-se revigorado durante todo o dia.

     O tangy, um super alimento saudável (e picante) tem baixo teor de calorias e

    pode ser preparado em diversas receitas juntamente com uma variedade de

    frutos secos e nozes nutritivas. A aveia com limão fornece assim, muita energia

    e age como um boost durante todo o seu dia.

     NAMASTÉ

     

     

    Read More
  • Caril De Banana Cru ( Plantain ) Estilo Kerala 2017-02-23

    CARIL DE BANANA (PLANTAIN) AO ESTILO KERALA 

    O caril de banana ao estilo de Kerala é uma refeição rica para adicionar à sua rotina,

    simples de preparar e muito saborosa.

    Tem apenas alguns minutos de preparação. Habitualmente este caril de banana é

    feito com plaintains, que são um membro da família das bananas, originárias da Índia,

    África Ocidental e dos países das Caraíbas. Os plantains (ou plátanos) são usados em

    diversos pratos salgados como se tratasse de uma batata normal.

    São ricas em amidos, não são doces e são cozinhadas como um vegetal.

    São vendidas na secção de produtos frescos dos supermercados africanos e ocidentais.

    Para esta receita podemos optar por bananas verdes.

    Tempo de preparação 10 minutos

    Tempo de cozedura 20 a 25 minutos

    Serve 3 a 4 porções

    Ingredientes

    4 bananas verdes

    2 colheres de chá de pasta de tamarindo

    1 chávena de côco ralado

    3 a 4 pimentões secos vermelhos

    1 colher de sopa de coentros em pó

    ½ colher de sopa de cominhos m pó

    ½ colher de chá de curcuma em pó

    ½ colher de sopa de kashmiri chilli em pó (ajuste o picante conforme preferência)

    1 colher de chá de sementes de mostarda

    ½ colher de chá de asafétida em pó

    12 a 15 folhas de curry

    7 a 8 dentes de alho (esmagados)

    4 colheres de sopa de óleo (idealmente óleo de côco

    sal a gosto

    Modo de preparação

    Lave as bananas, retire a casca cuidadosamente para não danificar a polpa, corte

    em porções de 4 cm e demolhe em água para evitar que oxidem.

    Numa panela coloque a ferver 2 chávenas de água e adicione a pasta de tamarindo e

    o sal. Coza a banana até ficar macia mas não mole. A seguir adicione todos temperos

    em pó e o côco ralado. Se preferir comer como acompanhamento mantenha uma

    consistência semi seca. Se o objectivo é uma refeição principal permita que fique

    mais cremoso. Cozinhe por 2 minutos e ajuste o sal (lembrando que o sal já foi

    adicionado previamente na pré cozedura).

    Para o tempero

    Noutra panela aqueça o óleo. Adicione a mostarda e deixe as sementes crepitar.

    Junte as folhas de curry, a asafétida, os pimentões secos e o alho esmagado retirando

    de seguida do lume de forma a não queimarem. Cubra o caril com esta mistura e tape

    a panela de forma a reter os aromas. Apague o lume.

    Sirva quente com chappatis ou com arroz basmati.

    BOM APETITE !

     

    Read More
  • Poha Phirni ( Pudim De Flocos De Arroz ) 2017-02-23

    POHA PHIRNI (PUDIM DE FLOCOS DE ARROZ) 2017-02-23

    Poha Phirni (pudim de flocos de arroz)

    VEGAN | SEM GLÚTEN

    Phirni é uma sobremesa cremosa sem glúten & vegan, podendo ser preparada

    com leite de amêndoas ou leite de cevada.

    É um doce fresco, leve, delicioso, e irresistível de tão fácil que é de preparar.

     

    Tempo de preparação 10 a 15 minutos

    Tempo de cozedura 10 a 15 minutos

    Serve 4

    Ingredientes

    1 chávena de flocos de arroz

    4 chávenas de leite meio gordo (ou de amêndoas ou de cevada, conforme desejar)

    5 colheres de sopa de açúcar (ajuste ao seu paladar)

    alguns pistachios (picados)

    alguns filamentos de saffron

    cardamomo em pó

    amêndoas (picadas) 

    Modo de preparação

    Leve a tostar os flocos de arroz numa panela anti-aderente até ficarem crocantes.

    Depois retire do lume, deixe arrefecer e triture na processadora.

    Leve a ferver o leite juntando o açúcar, o cardamomo em pó e mexa continuamente

    para que o leite não pegue ao fundo da panela.

    Adicione os flocos de arroz e continue a cozinhar por mais 4 a 6 minutos

    continuamente até que veja o phirni adquirir uma textura espessa.

    Retire do lume, permita que arrefeça e coloque no frigorifico.

    Sirva o phirni frio e coberto com amêndoas, pistachios e saffron.

    Desfrute deste sabor rico!

    NAMASTÉ




    Read More
  • Khichdi - Alimento De Conforto ( TRIDOSHIC ) 2017-02-23

    KHICHDI - ALIMENTO DE CONFORTO (TRIDOSHIC) 2017-02-23


    Todas as dietas ayurvedicas são baseadas nos DOSHAS (vata, pitta e kapha) e

    cada pessoa deverá consumir alimentos adequados à sua natureza (prakruti).

    Uma receita tridoshic é adequada para os três doshas e assim ideal para todos.

    Moong dall khichdi causa um efeito calmante e de aquecimento do nosso corpo.

    Khichdi é um guisado simples e de fácil digestão que proporciona o equilíbrio do

    nosso organismo. É ainda um alimento sattvic (puro & natural) fácil de digerir,

    purificante do sistema digestivo e consequentemente suporta a eliminação de todas

    as toxinas do nosso corpo.

    Khichdi é servido durante o programa terapêutico de PANCHKARMA e é uma das

    receitas mais saudáveis recomendada pela ayurveda.

    A ayurveda reverencia o feijão moong como o melhor entre todos os membros

    da família dos feijões, sendo nutritivo e de leve digestão.

    Kichdi possui um equilíbrio entre carboidratos e proteínas. É uma boa fonte de fibra

    dietética, vitamina C, cálcio, magnésio, fósforo e potássio e todos os 10 aminoácidos

    essenciais tornando-se assim uma proteína completa.

    Khichdi cozinhado com ghee puro fornece a quantidade certa de macro-nutrientes,

    carboidratos complexos, proteína e gorduras.

    Juntando-lhe vegetais torna-se uma refeição completa.

    Pessoas que sofrem de sensibilidade ao glúten ou doença celíaca podem optar por

    comer khichdi.

    Este prato pode ser servido a qualquer hora do dia.

    É um prato delicioso, nutritivo com arroz e moongdall com ghee, sal e curcuma.

    Proporciona o equilíbrio entre os elementos básicos; terra e água para

    aumentar a energia e a imunidade; fogo para estimular as enzimas digestivas.

    Ingredientes

    1 ½ chávena de arroz basmati branco ou integral

    1 chávena de feijão moong ou moongdall

    1 colher de chá de sementes de mostarda

    1 colher de chá de sementes de cominho

    1 colher de café de curcuma em pó

    ½ colher de café de asafétida

    10 a 12 grãos de pimenta preta

    algumas folhas de caril

    sal marinho ou sal ayurvédico (sanchar – sal preto)

    3 colheres de ghee ou óleo de côco

    algumas folhas de coentro fresco

    1 colher de café de gengibre ralado ou em pasta

    7 a 10 chávenas de água

    Pode adicionar os vegetais da sua eleição (cebolas, cenouras, courgette, feijão verde

    ou ervilhas)

    Ajuste também a quantidade de especiarias ao seu paladar.

     

    Modo de preparação

    Lave as lentilhas e o arroz e reserve-os por 30 minutos.

    Numa panela grande aqueça o ghee, frite as sementes de mostarda até crepitarem

    e junte as sementes de cominho. Em seguida adicione a asafétida, as folhas de caril,

    as lentilhas, o arroz e tempere com curcuma e sal. Deixe ferver por 10 minutos.

    Baixe o lume para brando, tape e cozinhe por cerca de 25 a 30 minutos até ficar

    macio com uma consistência empapada.

    Sirva bem quente e decorado com ramos de coentro.

    NAMASTÉ

     

    Read More
  • Rolos De Papeis De Arroz 2017-02-23

    ROLOS DE PAPEIS DE ARROZ 2017-02-23


    Rolos de papeis de arroz

    Descubra os segredos de preparar estes rolos na Primavera/Verão, pobre em

    calorias e em gorduras.

    Esta receita tem um processo muito fácil, é um aperitivo fresco para o verão e

    como não é frito torna-se bastante saudável.

    Vale a pena o esforço - eles são fantásticos.

    Os rolos são servidos com um dipping sauce (molho picante ou molho agridoce).

    Pode optar por recheios variados: com camarão cozido, frango ou porco sendo que

    o objectivo básico é usar ingredientes frescos.

    Esta versão mais popular contém camarão.

    Ingredientes

    10 a 12 folhas de papeis de arroz

    20 camarões médio cozidos (descascados e divididos ao meio)

    1 chávena de vermicelli (cozidos conforme as instruções da embalagem)

    1 colher de chá de pasta de lemongrass

    1 pepino (picado)

    ½ chávena de amendoim (torrado)

    folhas de hortelã e coentro (frescas e picadas)

    1 cebolinho (picado)

    1 alface iceberg pequena (lavada e cortada em tiras)

    Modo de preparação

    Mergulhar uma folha de papel de arroz num recipiente grande com um pouco de

    água morna por cerca de 15 segundos, depois escorra bem.

    Delicadamente coloque a folha de papel de arroz em cima de um pano limpo e seco.

    Coloque por cima as tiras de alface, os legumes e o vermicelli no sentido da largura

    da base do papel de arroz.

    Em seguida coloque 2 a 3 camarões no topo dessa mistura.

    Dobre um pouco da parte inferior sobre o recheio. Em seguida dobre as partes

    laterais. Enrole agora para formar um cilindro perfeito tal como um charuto.

    Repita o processo para as restantes folhas.

    Sirva com os molhos Hoi Sin ou molho agridoce.

     

     

    Read More
  • Dim Sum Com Espinafre & Feijão Moong 2017-02-23

    DIM SUM COM ESPINAFRE & FEIJÃO MOONG 2017-02-23


    Dim Sum com espinafre & feijão moong

    Dim Sum é um prato da cozinha tradicional chinesa, servido como uma entrada

    ou como uma refeição ligeira. Este aperitivo chinês de bolinhos cozidos ao vapor,

    ou fritos se desejar poderá ser feito com diversos recheios.

    Esta é uma receita vegetariana.

     

    Tempo de preparação 35 minutos

    Tempo de cozedura 15 minutos

    Serve 4 pessoas

    Ingredientes

    Massa Wonton

    4 ou 5 hastes de cebolinho

    2 a 3 dentes alho (picados)

    100 gr espinafres (picados)

    100 gr de feijão moong (cozido)

    1 clara do ovo (batida)

    2 colheres de chá de óleo de amendoim (este link não direcciona ao produto)

     ou de óleo de sésamo

    100 gr de tofu ou requeijão picado

    3 a 4 colheres de chá de molho de soja

    4 ou 5 cogumelos shitake (picados) (este link não direcciona ao produto)

    1 cesta de bamboo

     

    Modo de preparação

    Descongele a massa envolvendo-a num pano húmido de forma a não secar.

    Aqueça o óleo numa panela e frite o alho. Adicione o espinafre, o tofu,

    o feijão moong, os cogumelos e tempere com molho de soja, sal e pimenta preta

    moída.

    Estique as folhas da massa e pincele com a clara batida. Coloque um pouco do

    recheio no centro de cada uma das folhas. Pegue então nas extremidades de

    cada folha e amarre com uma haste de cebolinho.

    Encha um tacho largo com água suficiente para colocar a cesta de bamboo a

    flutuar (cautela para que não toque no fundo do tacho).

    Coloque os dim sum na cesta e cubra. Tape a panela.

    Coza assim por cerca de 10 a 12 minutos.

    Sirva quente com molho de soja ou molho agridoce.

     

    DELICIE-SE !

     

    Read More
  • Arroz De Coco 2017-02-23

    ARROZ DE CÔCO 

    Arroz de côco

    Receita ayurvédica.

    Esta receita de arroz de côco é simples de fazer, tem propriedades calmantes para

    VATA e PITTA e é um prato delicioso.

    É reconfortante para servir com molhos, peixe ou frango.

    Propriedades Ayurvédicas

    Apetitoso, estimulante, digestivo, purificante.

    Especialmente recomendado quando o nosso fogo digestivo está em baixo.

    O leite de côco possui a característica de prevenir a anemia, fortificar os ossos e

    relaxar os nervos dos músculos.

    Sabemos que o moongdall é TRIDOSHIC (equilibra os 3 doshas) e em conjunto

    com o arroz, proporciona uma fonte completa de proteína no prato.

     

    Serve 2 a 3 pessoas

    Ingredientes

    100 gr arroz basmati

    200 ml de leite de côco

    50 gr de côco ralado

    2 colheres de sopa de óleo de côco virgem 

    1 colher de chá de sementes de mostarda

    ¼ de colher de chá de asafétida

    algumas folhas de curry

    algumas castanhas de cajú

    alguns pimentões vermelhos

    2 colheres de sopa de moong dall

    sal a gosto

    Modo de preparação

    Demolhe o arroz por cerca de 2 horas e depois lave-o.

    Aqueça numa panela o óleo de côco, adicione as sementes de mostarda e deixe-as

    crepitar. Logo depois adicione o moong dall, os pimentões vermelhos, as folhas de

    caril, a asafétida e as castanhas de cajú.

    Deixe tostar tudo por 1 minuto, adicione o côco ralado e continue a refogar por mais

    2 ou 3 minutos ou até que veja o côco a ganhar um tom vermelho torrado.

    Adicione o arroz e também o leite de côco. Deixe cozer por 12 a 15 minutos.

    Sirva quente e delicie-se !



     

    Read More
  • Homous De Lentilha Vermelha 2017-02-23

    HOMOUS DE LENTILHA VERMELHA 2017-02-23


    Receita ayurvedica e vegan para VATA

    Alimente-se bem e aproveite a vida com o sabor apetitoso do húmus feito com

    legumes.

    Este é um húmus inovador e maravilhoso comparativamente ao tradicional húmus

    clássico.

    Esta incrível receita é feita com lentilhas vermelhas, as massor dall.

    As lentilhas tendem a ser mais fáceis de digerir que o grão de bico.

    E também cozinham muito mais rápido. Esta variação ao húmus tradicional

    é excelente para sanduíches, hambúrguers ou falafels, ou simplesmente como

    um molho vegetariano.

    Delicie-se com esta textura suave e cremosa.

     

    Ingredientes

    ½ chávena de lentilhas massor

    1 ¼ de chávena de água

    ¼ de chávena de tomate seco

    1 colher de café de cominho (levemente torrado)

    ½ colher de café de curcuma em pó

    2 colheres de chá de óleo de linhaça

    2 colheres de sopa de tahini (este link não direcciona ao produto)

    2 dentes de alho picado

    pimenta caiena ou paprika a gosto

    sal marinho a gosto

    Modo de preparação

    Num tacho pequeno leve a ferver as lentilhas, o tomate seco e a água.

    Reduza o lume e continue a cozinhar por mais 15 a 20 minutos.

    Em seguida numa processadora coloque 1 colher de óleo de linhaça, a tahina,

    o alho, o cominho e triture até adquirir uma textura homogénea.

    Ajuste os temperos a seu gosto.

    Transfira-os para uma tigela, regue com outra colher de óleo de linhaça e as pitadas

    de pimenta caiena ou paprika. Leve ao frigorífico até que esteja fresco e pronto a

    servir.

    Para manter a textura guarde num recipiente hermético, no frio, por até cinco dias.

     

    Bom apetite!

     

    Read More
  • Konda Powa 2017-02-23

    KONDA POWA 

     Konda Powa

    SEM GLÚTEN

    É um prato preparado com flocos de arroz, no entanto existem várias receitas de

     powa. Os flocos de arroz são usados para preparar petiscos ou sobremesas.

    Konda Powa é um prato suave, ligeiramente estaladiço e rápido de preparar quando

    precisamos de um lanche nutritivo pela tarde ou simplesmente como

    acompanhamento de pratos principais.

     

    Ingredientes

    2 chávenas de flocos de arroz

    2 batatas médias (cortadas em cubos)

    2 cebolas médias (picadas)

    2 ou 3 chillis verdes picados (opcional)

    ½ colher de chá de sementes de mostarda

    ¼ de colher de sopa de asafétida

    1 colher de sopa de amendoins

    ¼ de colher de chá de curcuma em pó

    ¼ de colher de chá de chilli em pó

    ½ colher de chá de garam masala

    10 a 12 folhas de curry

    2 colheres de sopa de óleo

    1 colher de sopa de sumo de limão

    ½ colher de chá de açúcar

    sal a gosto

    coentros frescos (picados)

    côco ralado (para decorar)

    ½ chávena de sementes de romã fresca (para decorar)

    Ingredientes

    Se preferir pode usar os seguintes ingredientes além das batatas

    ½ chávena de milho doce

    ½ chávena de ervilhas

    ½ chávena de rebentos de moong (feijão) verde

    Modo de preparação

    Demolhe e lave os flocos de arroz na água por 2 minutos.

    Coe para retirar o excesso de água e reserve.

    Descasque, lave e corte as batatas em pedaços pequenos e reserve.

    Aqueça o óleo num tacho e frite as sementes de mostarda e deixe-as crepitar.

    Em seguida junte a asafétida, as folhas de curry e o amendoim. Continue a fritar por

    alguns segundos e adicione a cebola picada até que adquira um tom ligeiramente

    dourado.

    Adicione agora as batatas, lentamente o sal, o pó de curcuma, o chilli e junte um

    pouco de água para se misturarem bem.

    Cubra o tacho e deixe cozinhar até que as batatas estejam macias.

    Adicione os flocos de arroz, o garam masala, o chilli em pó, o sumo de limão, o

    açúcar, os coentros frescos e misture bem.

    Desligue o lume.

    Sirva quente.

    Namasté



     

    Read More
  • Mughlai Biryani 2017-02-23

    MUGHLAI BIRYANI 


    Mughlai Biryani | Arroz de frango com especiarias aromáticas

    O biryani é um prato feito à base de arroz basmati com especiarias, frango ou cabrito.

    O nome é derivado da palavra persa " biryãn " que significa frito ou assado.

    A palavra mughlai significa Imperador ou Rei.

    E assim, este biryani foi considerado um prato apropriado para reis.

    É um prato delicioso com camadas de arroz e especiarias perfumadas, lentamente

    cozido no forno. A carne exige marinar durante a noite para alcançar um sabor

    maravilhoso.

    Tempo de preparação 8 horas (marinada)

    Ingredientes

    1 kg de frango (cortado em pedaços)

    500 gr de arroz basmati

    4 cebolas grandes (cortadas em fatias finas)

    2 colheres de sopa de pasta de gengibre & alho

    ½ chávena de amêndoas sem pele

    ½ chávena de castanhas de cajú

    ½ chávena de sultanas douradas

    8 colheres de sopa de ghee

    1 colher de café de canela em pó

    1 colher de café de cravinho em pó

    1 colher de café de cardamomo em pó

    ½ colher de café de pimenta preta em pó

    1 colher de chilli em pó meio picante ou picante (adequar ao seu gosto)

    2 colheres de chá de coentro em pó

    1 ½ colher de chá de cominho em pó

    1 colher de café de filamentos de saffron

     (dissolvido em 2 colheres de sopa de leite quente )

    1 limão (em sumo)

    1 copo de yogurte natural

    2 colheres de sopa de coentros frescos (picados)

    2 colheres de sopa de hortelã frescos (picados)

    sal a gosto

    Modo de preparação

    Num recipiente junte o yogurte com todas as especiarias em pó mencionadas acima,

    o sal, o sumo de limão e a pasta de gengibre & alho. Misture-os bem.

    Massage o frango com esta marinada e guarde no frigorífico algumas horas ou,

    preferencialmente toda a noite.

    Lave o arroz, adicione-lhe água suficiente e leve ao lume. Adicione o sal e deixe cozer até levantar a fervura. Escorra e reserve.

    Aqueça o ghee numa panela larga e frite 2 cebolas até ficarem caramelizadas.

    escorra-as e reserve-as numa toalha de papel.

    Aqueça novamente o ghee nessa mesma panela e leve a fritar as restantes 2 cebolas

    finamente picadas até ficarem translúcidas. Junte a carne marinada e deixe cozer

    por cerca de 12 a 15 minutos.

    Pré-aqueça o forno a 180º.

    Unte um travesseiro de ir ao forno com ghee.

    Coloque uma primeira camada de arroz, adicione os frutos secos, regue com o leite

    de açafrão, coloque uma camada de pedaços de frango e por fim o molho.

    Repita este processo para perfazer as restantes camadas (2 ou 3 conforme desejar).

    Para finalizar, decore com a cebola caramelizada e regue com um pouco de ghee.

    Cubra com papel de aluminio e sele bem.

    Coloque no forno pré-aquecido por 20 minutos.

    Este biryani real está pronto para ser servido e deliciado.

    Pode acompanhar com raita (molho à base de yogurte com ervas) e pappadums.

    NAMASTÉ

     

    Read More
  • Caril Balti Zaffarani 2017-02-23

    CARIL BALTI ZAFFARANI 

    Balti Caril é o caril mais popular do Reino Unido, especialmente nos

    restaurantes indianos.

    Tradicionalmente este balti caril é cozido num karahi (caçarola) de ferro fundido.

    As receitas deste caril são à base de carne e de especiarias aromáticas e subtis.

    Se desejar pode fazer balti de frango ou cabrito com um sabor rico e exótico.

    É facil de fazer em casa!

     Ingredientes

    ½ kg de frango (desossado e em cubos)

    3 colheres de sopa de óleo de amendoim

    1 cebola picada

    1 colher de chá de sementes de cebola (kallonji seeds)

    ½ colher de chá de pimenta preta (triturada)

    1 colher de chá de chilli em pó

    ½ colher de chá de all spice em pó 

    2 colheres de chá de pasta de gengibre & alho

    1 copo de yogurte

    2 colheres de sopa de amêndoa moída

    1 colher de sopa de sumo de limão

    ½ colher de café de saffron em filamentos

    1 colher de café de garam masala

    2 colheres de sopa de natas

    2 colheres folhas de coentros frescos (picados)

    sal a gosto (½ colher de chá aproximadamente)

    Modo de preparação

    Aqueça o óleo numa panela e frite as cebolas até dourarem.

    Adicione a pasta de gengibre & alho, os pedaços de frango e deixe fritar por 5

    minutos. Adicione a pimenta preta, o chilli em pó, as sementes de cebola, o sal,

    as amêndoas e o yogurte.

    Tape a panela e deixe cozinhar até que o frango fique mais macio.

    Nesta fase não adicione água para que o frango apenas coza longa e lentamente

    no caldo de yogurte.

    Uns minutos depois junte o sumo de limão, as all spice em pó, o garam masala e o

    saffron.

    Cozinhe até que veja o óleo separar-se das laterais da panela ou por cerca de 5 a 7

    minutos.

    No fim adicione as natas. Misture bem.

    Decore com coentros frescos.

    E sirva com nan arroz basmati e pappadums.

    BOM APETITE !

    Read More
  • Receita Ayurvedica - Detox Dall Sopa De Lentilhas 2017-02-23

    RECEITA AYURVEDICA - DETOX DALL (SOPA DE LENTILHAS) 

    Purificante

    É uma excelente sopa para desintoxicação e benéfica para a uma dieta vegetariana

    equilibrada.

    Na ayurveda a alimentação não é baseada em quantidades, mas sim em qualidades,

    seja de hidratos de carbono, gorduras, proteínas ou calorias, minerais e vitaminas.

    Na busca de uma alimentação ayurvédica é-nos oferecido o conhecimento necessário

    para fazermos uma alimentação naturalmente equilibrada, conectando-nos à natureza

    e proporcionando uma melhor relação com o funcionamento do nosso corpo e das

    suas necessidades.

    O objectivo das dietas alimentares na ayurveda é ajudar a promover o equilíbrio

    dos elementos e da sua interação no corpo humano, tendo por base a constituição

    individual de cada pessoa (os doshas).

     Serve 2 a 4 porções

     Ingredientes

    1 chávena de lentilhas

    1 chávena de quinoa

    ½ chávena de cebola (picada)

    1 a 2 dentes de alho (picados) ou 1 colher de chá de alho em pó

    2 colheres de sopa de ghee (ou em alternativa óleo de côco ou amendoim

    1 colher de chá de garam masala

    1 cenoura (picada)

    1 talo de aipo (cortado em pedaços pequenos)

    1 chávena de couve (talos removidos e ripada)

    1 pitada de asafétida em pó (hing)

    3 chávenas de caldo de vegetais (com baixo teor de sal)

    sal marinho a gosto

     

    Modo de preparação

    Leve a cozer a quinoa, escorra e reserve.

    Lave as lentilhas. Derreta o ghee numa caçarola em lume médio.

    Polvilhe com as especiarias e refogue por um minuto. Adicione a cebola e cozinhe

    por mais alguns minutos até que amoleça.

    Junte as lentilhas e mexa até ficarem bem envolvidas.

    Adicione a cenoura, o aipo, a couve e cozinhe por mais alguns instantes.

    Reduza o lume e adicione o caldo de legumes.

    Leve a ferver e em seguida tape reduzindo novamente o lume.

    Deixe cozinhar por cerca de 20 a 25 minutos.

    Ao servir, coloque 1 concha de quinoa cozida numa taça e despeje por cima a sopa

    que acabou de fazer.

    Tempere com aminoácidos ou molho tamari a gosto.

    NAMASTÉ

    Read More
  • HANDWA - BOLO SALGADO 2017-02-23

    HANDWA - BOLO SALGADO 


    HANDWA | BOLO SALGADO

    VEGETARIANO

    Handwa é um bolo salgado, saudável e nutritivo, mais uma iguaria da região de

    Gujarat na Índia.

    É cozido no forno e, tradicionalmente é preparado com 3 variedades de lentilhas

    e arroz moído. Em alternativa pode prepará-lo com semolina, se preferir.

    Handwa geralmente é servido como um lanche na hora do chá ou com um chutney.

    É um prato versátil que pode ser servido quente ou frio, em qualquer momento.

    Este bolo salgado é perfeito para piquenique e lanches.

    A textura final deste Handwa é esponjosa no interior e ligeiramente estaladiça

    no exterior.

     Ingredientes

    400 gr de semolina

    200 gr de coalhada (ou yogurte)

    1 ½ chávena de água

    2 colheres de chá de ENO (sais de frutas)

    1 colher de chá de curcuma em pó

    2 colheres de chá de sal (ou a seu gosto)

    1 colher de chá de chilli em pó (a seu gosto)

    1 colher de sopa de pasta de gengibre

    2 colheres de sopa de sementes de sésamo

    2 a 3 pimentões secos

    1 colher de chá de sementes de mostarda

    1 colher de chá de sementes de fenugrego

    1 colher de chá de sementes de cominho

    10 a 15 folhas de caril

    1 colher de café de asafétida em pó

    2 colheres de sopa de óleo

    Legumes frescos

    1 cebola grande (bem picada ou ralada)

    1 a 2 courgettes

    1 chávena de ervilhas

    Dica

    Pode adicionar qualquer vegetal (ralados ou picados) a seu gosto, tais como:

    batata, abobrinha, cenoura, um punhado de feijões verdes, coentros frescos, etc.

    Modo de preparação

    Misture a coalhada com a água e verta sobre a semolina de forma a cobri-la.

    Deixe repousar por 2 horas.

    Junte os vegetais, a curcuma, o sal, o gengibre, o chilli e misture-os bem com a

    semolina.

    Adicione a água apenas se achar necessário.

    Aqueça o forno a 200º C.

    Para a tarka (significa fritar as sementes no óleo )

    Aqueça o óleo numa panela, deixe crepitar as sementes de mostarda e em seguida

    adicione as sementes de fenugrego, as sementes de cominho, as folhas de curry e

    no fim a asafétida. Apague o lume, despeje sobre o preparado anterior e envolva bem.

    A consistência deverá apresentar-se como uma habitual massa de bolo.

    Adicione imediatamente os sais de fruta.

    Unte com óleo uma forma para bolos à sua escolha e coloque a massa.

    Polvilhe com as sementes de sésamo.

    Cozinhe no centro do forno e após 10 minutos reduza a temperatura para 150º C.